Aclamado pelos críticos, ‘A Casa Sombria‘ chega aos cinemas nacionais prometendo polarizar opiniões. A thriller de terror com elementos sobrenaturais consegue criar uma atmosfera sufocante durante os dois primeiros terços da produção, mas se perde em seu próprio labirinto de ideias e entrega um desfecho aberto a interpretações que dificilmente vai agradar a todos.

A história se divide entre focar no luto e nos elementos sobrenaturais, falhando em se aprofundar em ambas as abordagens.

Na trama, acompanhamos o drama de Beth (Rebecca Hall) após o misterioso suicídio de seu marido Owen (Evan Jonigkeit). Ela está vivendo o tortuoso luto de entender a motivação que levou o seu marido a se matar.



Vivendo sozinha na casa à beira do lago que ele havia construído para ela, Beth tenta lidar com a situação o melhor possível, mas ela começa a ter pesadelos: visões perturbadoras de uma presença na casa chamando por ela, que a atrai com um fascínio fantasmagórico. Desconsiderando os conselhos de seus amigos, ela começa a vasculhar pelos pertences de seu marido em uma busca desesperada por respostas. O que encontra são segredos, tão estranhos quanto perturbadores, levando a um mistério que ela está determinada a desvendar.

Aproveite para assistir:

O competente diretor David Bruckner, que fez o ótimo ‘O Sinal‘ (The Signal), consegue criar cenas de suspense muito bem sucedidas com jumpscares que prometem tirar os cinéfilos da cadeira, impulsionado por uma atuação majestosa da sempre ótima Rebecca Hall – que já havia roubado a cena no ótimo ‘O Presente‘.

O grande problema da produção reside no roteiro escrito pela dupla Ben Collins e Luke Piotrowski, que joga diversas ideias para criar uma tensão crescente mas não consegue se aprofundar em nenhuma delas, deixando que o espectador resolva os quebra-cabeças e criando um final dúbio e pouco resolvido.



A Casa Sombria‘ é um filme que parte de uma ideia muito interessante mas se perde em seus próprios enigmas, decepcionando por não conseguirem encaixar devidamente as pontas soltas e deixando um gostinho agridoce no final de que poderiam entregar um filme brilhante… mas que não decola em momento algum.

O filme já está em exibição nos cinemas nacionais.

Comentários

Não deixe de assistir: