No início da semana, Anne Hathaway revelou à Variety que o diretor Christopher Nolan não permite cadeiras no set de gravações de seus filmes.

Por conta disso, diversos internautas criticaram a atitude do cineasta, alegando que o ato fere as leis trabalhistas e não é nada gentil com o elenco e com a equipe de produção.

Após a polêmica, um representante de Nolan conversou com a Indie Wire e fez questão de tentar esclarecer a situação.

Sem se identificar, o colaborador defendeu o diretor, dizendo:

“Para constar, as únicas coisas banidas dos sets são celulares, cigarros e bebidas alcoólicas. As cadeiras referidas por Anne [Hathaway] são as cadeiras dos diretores agrupadas em torno do monitor de vídeo, alocadas com base na hierarquia e não na necessidade física. Chris escolhe não usar as dele, mas nunca baniu as cadeiras do set. O elenco e a equipe podem se sentar onde e quando precisam.”

Aproveite para assistir:

A fonte disse que alguns atores é que se sentem desconfortáveis com o fato de Nolan nunca se sentar.

Nolan quase nunca se senta. Então quando alguns atores se sentam, eles devem pensar que também não podem se sentar ou parar para respirar, mas Nolan nunca proibiu momentos de descanso. Ele só é rígido quanto ao uso de celulares por causa da distração.”

Lembrando que Nolan retorna às telonas ainda este com ano com o aguardado Tenet, que tem previsão de estreia no Brasil em 27 de agosto.

Confira a sinopse:

“Armado com apenas uma palavra – Tenet – e lutando pela sobrevivência do mundo inteiro, o Protagonista (John David Washington) viaja através de um mundo crepuscular de espionagem internacional em uma missão que irá desenrolar em algo para além do tempo real.

Não viagens no tempo. Inversões”.

 

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE