Desde que se destacou internacionalmente no programa ‘Vai Que Cola’, Cacau Protásio não parou mais de brilhar. Dona de um vozeirão inconfundível e uma presença de palco que atrai os holofotes para si onde quer que esteja, o ano de 2021 está sendo o período de colheitas para a atriz brasileira. Depois de lançar ‘Amarração do Amor’ no início do segundo semestre, Cacau volta agora às salas de cinema brasileiras com a comédiaA Sogra Perfeita’, novo lançamento que promete ser o filme o início oficial das férias de fim de ano.

Neide (Cacau Protásio) é uma mãezona que mal pode esperar o momento em que seu filho Fábio Júnior (Luis Navarro) sairá de casa. Porém, aos 27 anos, o rapaz não dá nenhum indicativo de que tem planos para isso, afinal, Neide faz tudo por ele: compra seu leitinho favorito, cozinha sua comida e arruma suas roupinhas. Mas Neide é também uma empreendedora de renome, dona de um salão de beleza referência no bairro, localizado em uma casa compartilhada com seu ex-marido, Jailson (André Mattos). Quando a jovem Ciléia (Polliana Aleixo) chega do interior procurando um emprego no salão, Neide enxerga na moça sua potencial nora, e, para fisgar seu filho, Neide irá contar com a ajuda dos amigos Sheila (Evelyn Castro) e Eddy (Rodrigo Sant’Anna) para moldar Ciléia a aprender tudo do jeitinho que seu filhinho precioso gosta.

Escrito por Flávia Guimarães e Bia Crespo a partir da ideia original de Dani Valente, ‘A Sogra Perfeita’ é uma comédia que retrata um costume enraizado em nossa sociedade de que o homem deve sempre ser cuidado pela mulher – tarefa que é passada da mãe para a esposa do homem a partir do momento da união dos dois. Embora muitas culturas valorizem a transmissão do conhecimento dos pais aos jovens casados, a cultura ocidental moderna está mais focada hoje na independência da mulher com relação às obrigatoriedades domésticas e na autossuficiência do homem dentro de casa. Apesar do conceito soar ultrapassado, é uma ideia que ainda perdura – e muito – em nossa sociedade, e retrata boa parte das estruturas familiares brasileiras.



Cris D’Amato acerta em cheio ao elencar Cacau Protásio para o protagonismo desse filme, apresentando-a como uma mulher com independência financeira e dona do próprio negócio e do próprio corpo. A parceria da diretora com a atriz faz com que esse filme tenha aquele aspecto de familiaridade, pois passa a impressão de que conhecemos aqueles personagens, aquela rua e aquelas histórias. Cris faz com que Cacau brilhe em cada cena, realçando o melhor desta que é uma das melhores atrizes da comédia brasileira.

Aproveite para assistir:

A Sogra Perfeita’ é um daqueles filmes que parecem ter se inspirado em alguém que a gente conhece. Através da comédia o longa propõe a reflexão sobre a cultura que temos de somente sair de casa já estando casados. Para tal, mostra que ‘A Sogra Perfeita’ pode ser qualquer mulher, qualquer mãe, e que, inclusive, essa mãe tem o direito de ser bem-sucedida no seu trabalho e ter seu próprio espaço de privacidade em casa, tendo filhos ou não. É um filme para rir é reconhecer muito marmanjo no papel do Fábio Júnior e muita mãezona no papel de Dona Neide.



Comentários

Não deixe de assistir: