Por incrível que pareça, há dez anos, os cinemas brasileiros eram tomados pelo maior fenômeno de 2012 e um dos filmes que redefiniu a década do entretenimento nas telonas. Isso mesmo, Os Vingadores completa dez anos e para isso, o CinePOP preparou uma série de matérias especiais para comemorar essa data tão significativa.


Sucesso absoluto, Os Vingadores virou um dos filmes mais cultuados do MCU. Cheio de easter eggs dos quadrinhos, o longa também conseguiu esconder detalhes que passaram despercebidos por muitos até hoje, principalmente aqueles que só passaram a fazer sentido com as produções seguintes. Por isso, o CinePOP separou dez desses momentos interessantes que você pode não ter reparado até hoje. Confira!

De confiança


Durante sua primeira cena no filme, em que está treinando golpes de boxe na academia, o Capitão América está usando sapatos da marca Converse, o famoso All Star. Essa marca foi inaugurada em 1908 e forneceu os calçados para os soldados americanos durante a Segunda Guerra Mundial. Como Steve não havia se adaptado ao novo mundo ainda, coisa que só viria a fazer em Capitão América 2: O Soldado Invernal (2014), ele foi atrás de marcas e produtos que conhecia de seu tempo.

Aproveite para assistir:



Sonho impossível

Na passagem em Calcutá, quando Bruce Banner está tentando descobrir qual é intenção da Natasha Romanoff, ele começa a falar mais sobre si e diz que há coisas que ele nunca poderá ter. No momento em que fala isso, Bruce balança um bercinho de madeira. A cena foi improvisada por Mark Ruffalo. Mais tarde, em Vingadores: A Era de Ultron (2015), Bruce revela para a própria Natasha que não pode ser pai por conta de sua condição de se transformar no Hulk em momentos de fortes emoções.

Modo automático


Quando o Agente Coulson está tentando ligar para o Tony no começo do filme, ele responde com uma piadinha do tipo: “você tentou entrar em contato com o modelo de vida artificial do Tony Stark”. Além do easter egg  desses robôs dos quadrinhos, essa trama sobre os Modelos de Vida Artificiais acabou sendo desenvolvida na série Agentes da SHIELD, que foi criada por Joss Whedon.

Os olhos do Pai

Durante seu debate com Loki, Thor acaba sendo cercado por dois corvos. Na mitologia e nos quadrinhos, o pai de todos, Odin, tem dois corvos que viajam pelos Nove Reinos, servindo como olhos e ouvidos para ele se manter informado. Ou seja, mesmo estando longe da Terra, ele estava ciente do que estava acontecendo com seus filhos.

Eu entendi a referência

Quando Nick Fury diz que Loki transformou agentes treinados em macacos voadores, o Capitão América diz a icônica frase que permeia os memes da internet até os dias de hoje: “Eu entendi a referência!”. Esse momento acaba sendo legal porque a referência feita é ao filme O Mágico de Oz, lançado em 1939. Ou seja, o jovem Steve Rogers chegou a assistir ao filme antes de se alistar e acabar congelado por 75 anos. Por outro lado, o Thor fica boiando, já que não há O Mágico de Oz em Asgard.


Fogo amigo

As brigas constantes entre Tony e Steve durante o primeiro filme brincam o tempo inteiro com a cisão entre os dois, fazendo um paralelo com a Guerra Civil dos quadrinhos. Em Vingadores: A Era de Ultron (2015), o embate entre eles fica mais ideológico, com os dois quase chegando às vias de fato. Esses momentos já davam uma noção do que viria pela frente, com a culminação das divergências entre os dois no filme Capitão América: Guerra Civil (2016).

Prevendo o futuro

Durante o debate entre os Vingadores no aeroporta-aviões, os heróis entregam os roteiros de suas próximas aventuras no cinema. Por exemplo: Steve questiona Tony Stark sobre o que ele é sem a armadura. Esse é o ponto central da trama de Homem de Ferro 3. Bruce Banner pergunta se o Capitão América está na lista de ameaças da SHIELD. Natasha Romanoff diz que todos estão, assim como é visto no projeto que dita os rumos de Capitão América 2: O Soldado Invernal. Já Nick Fury diz ao Thor que as armas foram feitas por conta do Thor e da ameaça de criaturas de seu mundo virem atacar a Terra, que é exatamente o que acontece em Thor: O Mundo Sombrio.

Memória


Momentos antes do ataque do Gavião Arqueiro ao Aeroports-aviões acontecer, dispersando os Vingadores um pra cada lado, Bruce Banner descobriu que o Tesseract estava em Nova York. A cena é muito rápida e dá pra ver pela tela de seu computador. É por isso que, mais tarde, quando ele pega a motinho, ele sabe onde os Vingadores estão.

Betty

A garçonete que aparece sendo salva pelo Capitão América e depois dando entrevista para a TV se chama Beth, e seria o primeiro interesse amoroso do herói desde Peggy Carter (Hayley Atwell). É interessante ver que ela tem um nome porque, pasmem, na época do filme, houve uma teoria relativamente bem aceita entre os fãs de que ela seria ninguém menos que Carol Danvers, a futura Capitã Marvel. Pois é, coisa de fã empolgado mesmo. Enfim, acabou que ela teria mais tempo de tela e até flertaria com Steve, mas essa subtrama terminou não sendo utilizada no filme, apesar de ter sido filmada e estar presente nos bônus do Blu-ray.

Perdeu tudo!

Por fim, mas não menos importante: apesar de passar o filme inteiro falando sobre as figurinhas do Capitão América e de como foi difícil completar sua coleção com os cards em bom estado, o Agente Coulson morre sem conseguir seus tão sonhados autógrafos e Nick ainda estraga a coleção do falecido enchendo ela de sangue para causar impacto nos heróis.


Os Vingadores está disponível no Disney+.

Não deixe de assistir: