O painel do cineasta Joss Whedon para a [email protected] foi cancelado misteriosamente, sem qualquer aviso prévio. Programado para acontecer na noite da última sexta-feira (24), o link do encontro fora removido da grade de programação, sem explicações por parte da organização do evento.

Intitulado “A Zoom with Joss Whedon“, o painel teria uma hora de duração e faria um paralelo a respeito da carreira do diretor, que abordaria sua perspectiva criativa em seus projetos mais famosos, como ‘Os Vingadores‘, ‘Liga da Justiça‘ e ‘Buffy, a Caça-Vampiros‘.

O cancelamento inesperado do painel veio em meio a um tumultuado momento na vida do cineasta, que está sendo duramente acusado por ter um comportamento abusivo em suas produções.



O astro Ray Fisher, de ‘Liga da Justiça‘, falou abertamente sobre o suposto comportamento doentio de Whedon, que já fora exposto de forma grave em 2017, por sua ex-esposa Kai Cole, em uma carta aberta feita ao The Wrap.

Entenda o caso

O ator Ray Fisher fez sérias acusações contra o diretor Joss Whedon, alegando que os produtores-executivos Geoff Johns e Jon Berg permitiram um comportamento “nojento e abusivo” durante as filmagens de ‘Liga da Justiça‘.

“O tratamento de Joss Whedon no set com o elenco e com a equipe da ‘Liga da Justiça’ foi nojento, abusivo, pouco profissional e completamente inaceitável. Isso foi permitido, de várias maneiras, por Geoff Johns e Jon Berg. Responsabilidade> Entretenimento”, afirmou.

Aproveite para assistir:



Pouco depois, o diretor Kevin Smith apoiou o ator Ray Fisher e revelou mais detalhes sobre o comportamento de Joss Whedon no set de ‘Liga da Justiça‘.

Segundo ele, já existiam histórias nos bastidores de que Joss Whedon estava “desmerecendo” o trabalho do Zack Snyder.



No episódio mais recente do podcast Fatman Beyond, Kevin Smith endorsou os comentários de Fisher:

“Um dia eu visitei o set de A Ascensão Skywalker, e fiquei conversando com pessoas que tinham trabalhado nas duas versões de Liga da Justiça. O pessoal dos efeitos especiais disse que Joss tinha o hábito de falar mal da versão de Zack [Snyder]. Ele cortava, descartava e era negativo quanto à versão de Zack, que ele havia assistido e que todas aquelas pessoas haviam feito juntas. Eles disseram que o set ficou bem tóxico”, afirmou. 

Vale lembrar que o papel do Ciborgue foi drasticamente reduzido nas refilmagens de Whedon, mas Zack Snyder prometeu que dará ao personagem o destaque merecido no novo corte do filme, que tem previsão de estreia para 2021 na HBO Max

Depois que Ray Fisher decidiu expor o comportamento abusivo de Joss Whedon nos bastidores de ‘Liga da Justiça‘, a equipe de dublês de ‘Buffy, a Caça Vampiros‘ fez o mesmo.

Durante uma entrevista para o Metro, o coordenador de dublês Jeff Pruitt, casado com a também dublê Sofia Crawford, afirmou que Whedon exigiu o término do relacionamento se eles quisessem continuar fazendo parte da série.



“Na quarta temporada, eu estava de saco cheio e disse aos produtores que iria sair para começar minha carreira como diretor de segunda unidade em outra série. Eu não aguentava mais porque Whedon é um egomaníaco. Quando comecei a namorar Sofia, me disseram que ele estava obcecado em acabar com nosso namoro. Ele reagiu como se ela e eu estivéssemos escondendo algo.”

Crawford também participou da entrevista e relembrou o episódio, dizendo:

“Fui chamada ao escritório dele e recebi um ultimato. Me disseram: ‘Você pode continuar na série, mas precisa terminar com Jeff. Caso contrário, não apareça mais’. Eu comecei a chorar e respondi: ‘Vai se f#der. Isso é horrível, pode me cortar.”

 

 


 

 

 

 

 

 

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva