Em uma recente coluna enviada à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, o lendário romancista Stephen King revelou quais são os seus filmes de terror favoritos e que moldaram sua identidade narrativa e cunharam seu apelido como Mestre do Terror.

Confira:

  1. A Bruxa de Blair“O filme assustou meus dias, creio eu por causa de sua falta de polidez. E nada supera a cena final”.
  2. ‘Alien – O Oitavo Passageiro’“Em ‘Alien’, eu amei o ético grupo de trabalhadores da nave (incluindo Ripley) e todas as correntes balançando. Mas é claro que, com ele, é a cena da explosão do peitoral que me assombra. Até aquele momento, ninguém havia visto algo assim”.
  3. O ExorcistaO Exorcista é assustadora do começo, quando – no prólogo – o relógio de repente para. É bastante claustrofóbico para um filme de estúdio, e toda vez que retornamos para aqueles quarto com Regan, ficamos mais apavorados com o que vemos. Mas, para mim, são as notas arrepiantes que fazem o filme”.
  4. Madrugada dos Mortos: “É como ‘Alien’, só que, diferente das nojeiras que nunca vimos antes, há uma dúzia delas, como a mulher mordendo o pescoço do policial ou a cabeça do zumbi sendo cortada pela hélice de um helicóptero. Parabéns a Tom Savini, que potencializou os efeitos especiais, sem CGI. E, de novo, há a constante claustrofobia do grupo de sobreviventes presos no shopping”.
  5. Os Filhos do MedoOs Filhos do Medo é o primeiro ótimo filme de David Cronenberg, com Samantha EggarOliver Reed interpretando pais do inferno. Só que o inferno acaba sendo as crianças”.
King é um dos autores de maior sucesso da história – e um dos poucos que é constantemente revisitado por realizadores do entretenimento. O CinePOP separou uma lista com as próximas adaptações baseadas nos escritos do escritor, que você confere abaixo:

A DANÇA DA MORTE

Com estreia prevista para 2020, a série escrita e dirigida por Josh Boone promete ser uma das grandes surpresas do ano, seja por seu elenco de peso (que inclui nomes como Greg Kinnear, Whoopi Goldberg, Amber Heard e Alexander Skarsgård), seja pela envolvente história.

A trama é centrada em um professor viúvo que vive uma vida solitária – até uma praga dizimas 99% da população mundial. Imune à doença, ele deve lidar com a solidão até se juntar a outros sobreviventes, que se envolvem numa antiga rivalidade entre a luz e a escuridão.

A LONGA MARCHA

Assinado com seu pseudônimo Richard Bachman, a história é ambientada no futuro. Um grupo formado por cem garotos adolescentes embarca numa viagem competitiva conhecida como A Longa Marcha – e as regras são simples: manter uma velocidade acima de 6 quilômetros por hora. Caso você pare, você recebe uma advertência; na terceira, é morto por um tiro. O último a sobreviver ganha o que quiser pelo resto da vida. O problema é quando um mortal jogo dá espaço para amizades muito profundas e derradeiras.

Aproveite para assistir:

André Øvredal ficará responsável pela direção. Ainda não se sabe quem irá estrelar o longa-metragem ou quando as filmagens irão começar.

A HORA DO VAMPIRO

Gary Dauberman ficará responsável pela releitura de A Hora do Vampiro para os cinemas, sentando na cadeira de direção e assinando o roteiro. James Wan, conhecido nome do gênero terror, será o produtor principal do filme.

Essa não é a primeira vez que o livro ganha adaptação, visto que já foi transformado em série duas vezes (1979 e 2004). A história gira em torno de um autor que retorna para sua cidade natal para escrever sobre uma mansão abandonada, apenas para descobrir que ela tem um novo dono: um misterioso homem europeu. Enquanto está de visita, ele percebe que os habitantes da cidade estão sendo transformados em vampiros, resolvendo unir-se com um grupo para lutar contra essas perigosas criaturas.

CHAMAS DA VINGANÇA

Quando jovem, Drew Barrymore estrelou a primeira versão de Chamas da Vingança, terror no qual interpretava uma garota com terríveis poderes pirocinéticos. Agora, Keith Thomas e Scott Teems irão unir forças para investir em uma nova perspectiva para o romance de King.

Com início das filmagens previsto ainda para 2020, a história gira em torno de um casal que passa por uma experiência “inovadora” de fertilização e acabam tendo uma criança que pode controlar o fogo.

COLHEITA MALDITA

O conto Colheita Maldita foi lançado em 1984 e, no mesmo ano, ganhou adaptação para os cinemas – gerando nada menos que oito sequências que não fizeram tanto sucesso quando a original. A mais recente delas estreou em 2018 e, apesar disso, isso não impediu Kurt Wimmer de querer comandar outra versão.

A história é estrelada por Isaac Chroner, um menino pregador que chega a uma pequena cidade no estado de Nebraska, Estados Unidos, e influencia as crianças a assassinar todos os adultos locais. Um jovem casal tenta comunicar um dos homicídios e vai para Gatlin, a vizinhança mais próxima, em busca de ajuda. Porém, a cidade está abandonada e, logo, são aprisionados com poucas chances de escaparem vivos: afinal, as crianças praticam um culto que utiliza sangue humano para adubar a terra.

REVIVAL

Mike Flanagan é um dos grandes nomes de sua geração e já nos entregou pequenas joias do terror e do suspense, como O Espelho, Doutor Sono e Jogo Perigoso – isso sem mencionar a aclamada série de terror A Maldição da Residência Hill, cuja 2ª temporada chega em breve à Netflix.

E, sendo um conhecedor nato da identidade literária de King, era mais que natural que seus projetos futuros envolvessem uma revisitação ao Mestre. Escolhendo Revival como sua nova incursão, o livro foca no relacionamento entre um músico viciado em heroína e um reverendo misterioso com intenções secretas. O ministro é obcecado em encontrar um jeito de contatar sua esposa e seu filho falecidos – resultando num caos inesperado.

OS ESTRANHOS

Anteriormente previsto para ser dirigido por James Wan, a adaptação de Os Estranhos ainda não tem muitas informações divulgadas, com exceção de sua sinopse.

Em uma pequena cidade na zona rural dos Estados Unidos, uma estranha radiação começa a emanar da floresta depois que uma romancista encontra e começa a desenterrar o que parece ser uma nave alienígena. Na minissérie em 1993, o extenso romance foi duramente editado, deixando inúmeras subtramas e personagens de fora.

THROTTLE

Assinando o conto ao lado do filho, Joe Hill, Throttle foi publicado em 2009 e é parte da antologia He Is Legend. A história gira em torno de um caminhoneiro que entra em conflito com uma tribo de forasteiros motociclistas no deserto de Nevada.

Keith Levin e David S. Goyer irão produzir a releitura, com Leigh Dana Jackson assinando o roteiro. Ainda não se sabe quando as gravações começam.

CARRIE – A ESTRANHA

Carrie é uma das personagens mais memoráveis de King e, por essa razão, já foi encarnada por vários nomes nas três adaptação cinematográficas, incluindo Chloë Grace-Moretz. No final do ano passado, entretanto, o canal FX decidiu que ainda precisava investir em mais uma versão que honrasse o clássico romance.

Ainda sem muitas informações técnicas, a série baseada em ‘Carrie – A Estranha’ é focada em uma jovem e tímida moça perseguida pelos colegas, professores – e constantemente amedrontada pela mãe, uma fanática religiosa. No dia de sua formatura, ele descobre que tem poderes telecinéticos e acaba se vingando após uma humilhação pública.

LOVE: A HISTÓRIA DE LISEY

Mais uma série em vista: produzida pela Apple, a minissérie inspirada em ‘LOVE: A História e Lisey’ trará nomes como Julianne Moore, Clive Owen, Joan Allen, Dane DeHaan e Sung Kang e será supervisionada por J.J. Abrams.

Na obra, dois anos depois da morte de seu marido, Lisey Landon decide que está a hora de ir até seu escritório e começar a limpar toda a papelada. Scott Landon era um romancista best-sellers e Lisey já foi contatada por pessoas que desejam comprar seus trabalhos não publicados, mas ela está determinada a não deixar isso acontecer. Quando começa o processo de limpeza, um estranho homem entra em contato com ela e diz que, caso não entregue os papéis, Lisey sofrerá as consequências.

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE