Fim de semana chegando. Dias chuvosos. Nada melhor do que ficar em casa relaxando e assistindo na TV um ótimo filme. Opções de plataformas para tal é o que não falta. Mas o que muitos espectadores podem encontrar dificuldade é selecionar algo de seu interesse. E é justamente para tal tarefa que estamos aqui, querido leitor.

Para a empreitada, a Amazon Prime Video se tornou uma excelente pedida, com suas produções originais de fazer frente ao colosso Netflix, chegando junto na disputa acirrada. Com o lançamento recente da Disney+ no Brasil os fãs estão alvoroçados. Mas para todos aqueles que ainda não tiveram interesse em assinar o streaming da casa do Mickey, separamos um novo lote de dicas fresquinhas de produções adicionadas recentemente ao catálogo da Amazon, que você não pode perder. Tem para todos os gostos. Vem conhecer e não esqueça de comentar se já conferiu e o que achou de nossas dicas.

Leia também: 10 Filmes Recentes com Grandes Atuações Femininas na AMAZON

Vestido Maldito



Começamos a lista com uma recomendação para os fãs de terror. Sucesso em festivais de cinema, tendo feito sua estreia no TIFF, o Festival de Toronto, esta é uma produção britânica, falada em inglês e francês. Dono de grande criatividade em sua trama, e até mesmo alguns elementos cômicos, o longa foi escrito e dirigido pelo cineasta Peter Strickland (O Duque de Burgundy). Com impressionantes 92% de aprovação no Rotten Tomatoes, os críticos o definiram como “uma fascinante homenagem ao cinema de terror europeu, que tece um feitiço de surrealismo, misturando um horror estilizado com humor negro para oferecer ao público uma ameaça cativante”.

O assunto aqui é uma história de “fantasmas” diferente. Quando uma loja de departamento vende durante o inverno um belo e chamativo vestido vermelho, sua nova dona (papel de Marianne Jean-Baptiste) logo descobrirá que este não é uma vestimenta comum. Elogios não faltaram a este thriller “estranho no bom sentido”, sendo comparado a uma mistura de David Lynch e Dario Argento. Simplesmente imperdível.

Leia também: 12 ÓTIMOS Filmes da Amazon para você Assistir

Borat: Fita de Cinema Seguinte

Aproveite para assistir:





Borat está de volta! E seu segundo e muito aguardado filme estreou numa época bem propícia, coincidindo (propositalmente, é claro) com as eleições norte-americanas, bem a tempo de tirar uma com a cara de Donald Trump, seu vice-presidente Mike Pence e seu advogado, o ex-prefeito de Nova York Rudolph Giuliani (num dos momentos mais desconcertantes do novo longa). Foram quatorze anos de espera e o mundo mudou muito, mas não o humor de Sacha Baron Cohen, o intérprete do personagem, que continua incorreto até a medula, sem poupar ninguém.

Seguindo de perto o modelo do original, apesar da mudança de diretor (sai Larry Charles, de Seinfeld, e entra Jason Woliner, de O Último Cara da Terra), o segundo filme continua confeccionado como um documentário falso, onde poucos sabem que a brincadeira está rolando. As novidades agora são a filha do protagonista (um show à parte da atriz Maria Bakalova – para quem Cohen vem fazendo campanha por uma indicação no Oscar), que o acompanha na viagem aos EUA, e a pandemia da COVID-19 – que pegou a produção do filme de surpresa, e tratou de ser adicionada ao roteiro -, por exemplo. O segundo Borat igualmente caiu nas graças dos críticos, considerado “uma ferramenta afiada para expor os mal orientados ou totalmente repugnantes cantos da cultura Americana”.

Leia também: Amazon Prime | 10 Grandes Produções do Cinema para Assistir em Casa

7500

O sumido Joseph Gordon-Levitt encabeça esta produção original da Amazon, recomendada para os fãs de ação, drama e suspense com muita tensão. Estreia do diretor alemão Patrick Vollrath em longas-metragens (que também assina o roteiro), o filme traz o jovem ator na pele de um piloto de avião vivendo a pior experiência de sua vida. 7500 é o código que aeronaves comerciais usam para indicar às torres de controle que foram sequestradas. E por esta premissa você pode imaginar o teor do filme.

Num voo de Berlim para Paris, um jovem co-piloto, papel de Levitt, fará de tudo, sozinho, para impedir que terroristas tomem controle da cabine de pilotagem do avião – mesmo precisando lidar com a possível morte dos reféns, o que inclui sua namorada, a aeromoça a bordo. Para garantir mais veracidade ao filme, o diretor utilizou um avião de verdade, comprado pela produção, e não um cenário. Além disso, as técnicas de filmagens utilizadas pelo cineasta ainda envolveram a câmera filmando sem cortes, às vezes por 1 hora direto, e a liberdade de improviso dos atores (o que Levitt considerou uma experiência brutal em momentos, porém, única). E funcionou, já que a atuação do protagonista foi extremamente elogiada pelos especialistas. Obs. Cuidado para não confundir o filme com o terror “tranqueira” Voo 7500, lançado em 2014.

Mussum – Um Filme do Cacildis



Pelo título já se pode perceber o tópico deste documentário nacional dirigido por Susanna Lira. O “trapalhão” preferido de muita gente, a trajetória de Mussum, ou melhor, Antonio Carlos Bernardes Gomes, começou na música, como sambista parte do grupo Os Originais do Samba. O documentário perpassa a vida desta icônica figura popular brasileira, desde os primórdios até se tornar verdadeiramente famoso ao fazer parte do quarteto humorístico sensação Os Trapalhões – parte do folclore de nosso país.

Inesquecível, assim como seus três colegas de trabalho, ao lado dos Trapalhões Mussum conquistou enorme sucesso, cativando a imaginação do público, fosse nos programas da TV, ou no cinema, onde reinavam absolutos nos anos 1980, fazendo frente e deixando no chinelo os blockbusters hollywoodianos nas bilheterias nacionais. E quando teremos um fenômeno assim de novo? Com imagens de arquivo e entrevistas com o próprio, além de personalidades como Renato Aragão, o Didi, e Alcione, Mussum – Um Filme do Cacildis é imprescindível numa era onde se fala muito da representatividade racial. História e entretenimento caminhando juntos.

A Gruta

Para finalizar, selecionamos outra produção nacional. Esta, voltando ao primeiro item da matéria. Os fãs de terror não terão do que reclamar no acervo da Amazon. Misturando filmes slasher de assassinatos com elementos sobrenaturais, como possessão demoníacas e espirituais, esta é uma produção recente, lançada este ano, escrita, dirigida e protagonizada pelo multifacetado Arthur Vinciprova.

A trama mostra um grupo de jovens num passeio aventureiro ao lado de seu guia desbravando uma gruta subterrânea próxima a um lago. Ao mesmo tempo, Jesus (Vinciprova) se torna o único sobrevivente de uma tragédia ocorrida no local, com seu grupo turístico inteiramente assassinado, incluindo sua esposa. Logo, ele se torna o principal suspeito dos crimes hediondos, mas clama inocência. Na história contada pelo rapaz, sua esposa teria sido possuída por um espírito maligno e matado todos os mochileiros. É então que ele pede a ajuda de uma freira para desvendar o caso, a única que pode crer em seus relatos de forças vindas de outro mundo. A irmã é vivida pela talentosa Carolina Ferraz, o rosto mais conhecido do elenco, e verdadeira estrela da obra.


Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva