Desde que Jacob Scipio (‘Bad Boys para Sempre’) foi adicionado ao elenco de ‘Batgirl’, nenhum detalhe foi divulgado sobre seu personagem.

Por conta disso, muitos fãs estão teorizando que ele pode dar vida a Dick Grayson como o Asa Noturna depois de ter abandonado seu legado como Robin.

Durante uma entrevista para o E! News!, a protagonista foi questionada sobre o assunto e desmascarou o boato, confirmando que Scipio não será, mas o chefe da máfia de Gotham, Anthony Bressi.

Além disso, ela argumentou que o longa vai se concentrar na evolução emocional e heroica de Barbara Gordon.


“No início do filme, não há muitas nuances sobre seus pensamentos, e ela se envolve em muitas dessas situações complicadas até descobrir mais sobre si mesma, coisas que ela não fazia ideia de que é capaz. Vamos vê-la crescer a partir desse tipo de perspectiva do mundo e eu realmente amo isso. É como todos os filmes de super-heróis favoritos, você vê a história de origem deles. Você os vê amadurecer.”

Aproveite para assistir:



Apesar do Asa Noturna não fazer parte da história, o personagem ainda poderia aparecer numa sequência, algo que faria sentido considerando o relacionamento entre Barbara e Dick ao longo dos anos nos quadrinhos.

Por falar em sequência, Grace contou à Variety, já houve conversas preliminares com os produtores sobre uma potencial continuação.

“Nós vimos o primeiro. Mas, definitivamente, há algumas conversas sobre o que poderia acontecer. Eu vi um pouco do que foi rodado e é insano”, ela comentou. “Nós já estamos falando sobre o que faremos seguir, porque acontece muita coisa neste filme”.


Ela continua: “há vários temas diferentes na narrativa que exploramos. Não é apenas a ação. Há uma história de amor. Há o relacionamento entre pai e filha. Há o fato de olhar para o mundo através de lentes diferentes e ver as cores e o espectro entre as coisas”.

Anteriormente, também à Variety, a atriz revelou que a participação de Michael Keaton como o Batman no filme é ‘selvagem’ e que todos ficaram chocados com sua atuação.

Michael Keaton como o Batman foi selvagem para todos. Nossos diretores ficaram como duas crianças. Eles são nerds legítimos do Batman abertamente. Ele é o Batman, cara! Eu nem conseguia acreditar que estava dividindo espaço com o Batman. Eu queria dizer mais, mas não posso. Foi insano, surreal, incrível. Era o material dos sonhos realmente. E JK Simmons interpretando meu pai. Ele é o meu pop. Eu estava tão nervosa porque tudo que eu podia ouvir na minha cabeça era a voz dele em ‘Whiplash’. Como o que ele faria e diria se eu não conseguisse algo certo? [Risos]. Então nos tornamos os melhores amigos. E ele me contou todas as suas ótimas histórias de começar e ser garçom e trabalhar em uma pizzaria e tentar ser ator e fazer cinema”, afirmou.

Keaton interpretou o icônico personagem na mini-franquia ‘Batman’ (1989) e ‘Batman Returns’ (1992), ambos dirigidos por Tim Burton.

Além da dupla, Brendan Fraser (‘A Múmia’) também faz parte do elenco como Vagalume (Firefly), um dos vilões confirmados.


Para quem não conhece, o vilão fez sua estreia nos quadrinhos em Detective Comics #184, em junho de 1952, e foi reimaginado décadas mais tarde como um piromaníaco sociopata com uma compulsão obsessiva por começar incêndios. Seu nome verdadeiro é Garfield Lynns.

Além disso, ele também é equipado com um traje que carrega um pesado arsenal de armas de fogo, incluindo lança-chamas, granadas, napalm e bombas de fumaça, bem como uma lâmina de plasma super-aquecido para combate próximo.

Rebecca Front, Corey JohnsonEthan Kai foram escalados para papéis não revelados. J.K. Simmons retorna como o Comissário Gordon.

Bilall FallahAdil El Arbi (‘Bad Boys para Sempre’) entram como diretores. Christina Hodson assina o roteiro.

Ainda sem previsão de estreia, a adaptação ganhou sua primeira imagem conceitual durante a DC FanDome.


Confira:

Anteriormente, Grace revelou um pouco sobre a trama do longa.

“Bárbara é alguém que foi subestimada até mesmo por seu próprio pai. E, como a filha mais nova, às vezes você está isolada de todas as coisas difíceis da vida, então ela está ansiosa para provar a si mesma e a todos que há algumas coisas com as quais ela pode lidar sozinha.”

Ela continuou, comparando-se com a personagem:


“Na pesquisa que tenho feito para a pré-produção, aprendi muitas coisas sobre Barbara que me conectam a ela. Eu me identifiquei muito com ela porque este é apenas o meu segundo trabalho como atriz e sinto que estou em uma jornada para provar a mim mesma quais barreiras posso quebrar, quais limites posso ultrapassar e estou animado para incorporar toda essa ansiedade, teimosia e determinação que compõem o caráter de Barbara.”

Por fim, ela comentou qual foi sua reação ao descobrir que foi escalada.

“Ah, cara! Foi um choque, foi muito louco. Eu fiz os testes e foi alucinante, mas no fundo você nunca espera por isso. Eu descobri via Zoom, porque os responsáveis fizeram uma surpresa e tudo mais. Eu achei que faria mais um teste e ainda é alucinante pensar sobre isso. Eles me fizeram ler um e-mail e estava escrito: ‘Eu sou a Batgirl. Eu só fiquei me tremendo sem entender o que estava acontecendo. Foi lindo e esse papel será uma bênção na minha carreira.”

Não deixe de assistir: