O consumo de plataformas de streaming tem se tornado uma das principais fontes de entretenimento ao redor do mundo e a pandemia do Coronavírus se tornou uma das grandes alavancas deste novo modelo de negócio – principalmente em virtude do fechamento das redes de cinema, em meio aos frequentes lockdowns.

Isso tem feito com que o interesse dos principais astros de Hollywood se volte para este pujante e efervescente mercado. E com streamings como a Netflix, o Disney+, a Hulu, a Paramount+, a Starzplay e a Amazon Prime Video investindo pesado em suas produções, é natural que muitas personalidades da indústria comecem a se interessar pelo nicho.

E uma recente pesquisa divulgada pela revista Variety mostra exatamente como as gigantes do streaming têm cativado os atores e cineastas de Hollywood. Com propostas muito mais tentadoras e salários relativamente superiores, estas empresas oferecem oportunidades de produção que permitem uma participação maior em seus lucros com o título a ser lançado e naturalmente tende a conquistar um sucesso em sua plataforma. Além disso, os custos com publicidade caem drasticamente, justamente por não depender do massifico marketing necessário quando se trata de um lançamento nas telonas.

E segundo a publicação, a queda na receita dos atores em filmes projetados para os cinemas é significativa. Desde o gigante cheque de US$ 20 milhões recebidos por Jim Carey pela clássica comédia ‘O Pentelho’, Hollywood tem usado essa média salarial para basear o pagamento de seus atores. E de 1996 para os anos mais recentes, o milionário valor pago a Carey se dissolveu significativamente.



Enquanto Chris Pine fechou um salário próximo a US$ 11,5 milhões com a Paramount Pictures pela franquia de ‘Dungeons and Dragons‘, Robert Pattinson decidiu assumir o manto do Batman por “meros” US$ 3 milhões.

Já quando se trata de longas produzidos para o streaming, a história é bem diferente. Só pelo seu trabalho em ambas as futuras sequências de ‘Entre Facas e Segredos‘ – adquiridas pela Netflix -, Daniel Craig levará para casa impressionantes US$ 100 milhões.

Aproveite para assistir:

Dwayne Johnson receberá – apenas de início – US$ 30 milhões por sua vindoura aventura natalina ‘Red One‘, produzida pela Amazon Studios. E seus ganhos devem totalizar em US$ 50 milhões no final, considerando que o astro assinou um acordo em que terá direito à parte da receitai do longa.

Leonardo DiCaprio e Jennifer Lawrence receberão US$ 30 milhões e US$ 25 milhões, respectivamente, por suas performances na comédia de desastre de Adam McKay (para a Netflix), intitulada ‘Don’t Look Up‘. Já Julia Roberts fechou seu contrato com a mesma plataforma por US$ 25 milhões, para estrelar o thriller ‘Leave The World Behind‘.



Essa mudança significativa nos mostra um interessante horizonte, onde as plataformas de streaming começam a ser vistas por uma ótica muito valiosa do que a própria pandemia jamais previu.

Confira a lista de salários dos maiores atores de Hollywood em seus mais recentes filmes:

1. Daniel Craig

Sequências de Entre Facas e Segredos – US$100M

2. Dwayne Johnson

Red One – US$50M

3. Will Smith



King Richard – US$40M

4. Denzel Washington

Os Pequenos Vestígios – US$40M

5. Leonardo DiCaprio

Don’t Look Up – US$30M


6. Mark Wahlberg

Spenser Confidential – US$30M

7. Jennifer Lawrence

Don’t Look Up – US$25M

8. Julia Roberts

Leave the World Behind – US$25M

9. Sandra Bullock

The Lost City of D – US$20M

10. Ryan Gosling

‘The Grey Man – US$20M

11. Brad Pitt

Bullet Train – US$20M

12. Michael B. Jordan

Without Remorse – US$15M

13. Tom Cruise

Top Gun: Maverick – US$13M

14. Keanu Reeves

The Matrix 4 – US$12 – US$14M

15. Chris Pine

Dungeons and Dragons – US$11.5M

16. Robert Pattinson

The Batman – US$3M

 

COMENTÁRIOS

Não deixe de assistir: