Ron Bugado‘ (Ron’s Gone Wrong), nova animação da 20th Century Studios, pertencente à Disney, já está em exibição nos cinemas e a produção traz lições valiosas sobre vício nas redes sociais.

E a nossa jornalista Rafa Gomes teve a oportunidade de entrevistar a dupla de diretores Jean-Philippe Vine e Octavio Rodriguez, que trouxeram detalhes sobre o filme, que tem tudo para configurar na lista de indicados da temporada de premiações de 2022.

Confira o bate-papo:

No Rotten Tomatoes, o longa conquistou 84% de aprovação, com nota 6.90/10 baseada em 19 reviews até o momento. Apesar de apontarem o ritmo incerto da produção, os especalistas elogiaram o tom leve e bastante family friendly da narrativa.



Confira os principais comentários:

“Desequilibrado, mas divertido” – Variety.

Aproveite para assistir:

“Um [filme] para toda a família – mas coloquem seus celulares de lado primeiro” – Deadline.

“Um conto familiar sobre catástrofe tecnológica, sagazmente equilibrando o caos de agradar às crianças com tiradas inteligentes” – The List.



“Assim como ‘A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas’, as aventuras [do filme] transmitem um comentário leve sobre as belezas e os problemas da nossa saturada cultura tecnológica” – AV Club.

“Transcende a familiaridade da história com escrita sagaz, animação envolvente e um grande coração colocado em um robô com mal-funcionamento” – Screen International.

Sarah Smith, Jean-Philippe Vine e Octavio E. Rodriguez são responsáveis pela direção.

A história é centrada em um garoto de 11 anos chamado Barney que se torna amigo de um robô que não funciona totalmente bem – viajando a um mundo onde robôs que falam, andam e têm crianças como melhores amigos.

A produção conta com as vozes de Olivia Colman, Jack Dylan Grazer, Zach Galifianakis e Ed Helms.



Não deixe de assistir: