Depois que a série d’O Justiceiro‘ foi cancelada pela Netflix no início de 2019, a Marvel Studios precisava aguardar pelo menos dois anos para reivindicar os direitos de imagem do personagem.

E, de acordo com o Comic Book, a Disney e a Marvel Studios já iniciaram o processo para recuperar os direitos do personagem.

Como ‘O Justiceiro‘ foi a última série da Marvel cancelada pela Netflix, isso significa que o estúdio também pode retomar os diretos de ‘Demolidor’, ‘Luke Cage’, ‘Jessica Jones’ e ‘Punho de Ferro’, membros da equipeOs Defensores‘.

Como Charlie Cox já foi confirmado como Matt Murdock em ‘Homem-Aranha 3‘, é apenas uma questão de tempo caso a Marvel queira introduzir o restante desses personagens no MCU.



No entanto, não foi revelado se os personagens serão readaptados para as telonas ou para as telinhas. Então só resta aguardar para saber que decisões serão tomadas pelos executivos do estúdio.

Por falar nisso, Thomas Jane, intérprete de Frank Castle em 2004, quer voltar a trabalhar numa adaptação do anti-herói, mas desta vez como diretor.

Aproveite para assistir:

Além disso, o astro adoraria ter Jon Bernthal como protagonista, já que ele fez um ótimo trabalho com o personagem em ‘Demolidor‘ e na sua própria série da Netflix.

Durante uma entrevista para o Comic Book, Jane disse que tudo depende dos fãs.



“Se os fãs realmente me quisessem de volta, poderíamos encontrar uma forma de preparar um roteiro. Mas, na verdade, eu adoraria dirigir uma adaptação estrelada por Jon Bernthal… Eu admiro seu trabalho como ator e ele fez um ótimo Frank castle na Netflix.”

Ele continuou:

“Veja bem, eu acho que o Justiceiro ainda não foi totalmente explorado de forma que honre totalmente o personagem em um filme. E acho que Bernthal tem capacidade de fazer isso.”

E aí, o que você acha da ideia?

Dirigido por Jonathan Hensleigh, o longa de 2004 recebeu péssimas avaliações e registrou míseros 28% de avaliações positivas no Rotten Tomatoes.

Além disso, acumulou apenas US$ 54,7 milhões pelo mundo, a partir de um orçamento de US$ 35 milhões.



Comentários

Não deixe de assistir: