A década de 80 foi, sem dúvidas, uma época muito especial para o cinema. Pode ser a nostalgia falando ou talvez o fato de eu ter nascido nessa década, mas a minha lista de clássicos está recheada de filmes lançados neste tempo em que as mulheres usavam ombreiras e muitos marmanjos de hoje assistiam ao Show da Xuxa. E no meio deste cenário, há mais de 30 anos atrás, mais precisamente em 3 de julho de 1985, foi lançado o filme que é o primeiro disparado em milha lista de melhores de todos os tempos: ‘De Volta para o Futuro‘.

Documentário sobre ‘De Volta Para o Futuro’ chega no mesmo dia que Marty McFly 

Alguns podem se perguntar o que torna este filme tão especial. Para mim, é o fato dele ter todos os ingredientes para a construção de um clássico:

1) Roteiro quase impecável de Bob Gale recheado de aventura e comédia na medida certa sem precisar apelar para piadas de duplo sentido e capaz de agradar sem restrições qualquer ser humano com pulso;
2) Elenco bem escalado esbanjando talento e carisma;
3) Trilha sonora repleta de músicas cativantes da época e trilhas originais inesquecíveis;
4) Direção inspirada de Robert Zemeckis e produção do “Aiatolá” da década de 80, Steven Spielberg;



devoltaparaofuturo_1

A ideia do filme veio após Bob Gale achar um anuário do tempo de colegial do seu pai e ver que ele foi o representante da classe. Ele então pensou se seria amigo do seu pai caso estudasse com ele naquela época. Todas as questões das diferenças entre gerações foram somadas a um elemento de ficção para justificar a viagem no tempo e permitir a exploração dessa ideia de como seria conhecermos nossos pais em sua juventude. Mas é fundamental destacar que as partes da máquina do tempo e da ciência envolvida são instrumentos e não o cerne do filme que, acertadamente, foca em seus personagens e nas suas buscas pessoais.

‘De Volta Para o Futuro’: O skate voador Hoverboard virou realidade! 

Todo grande filme precisa de bons protagonistas e esta fórmula é mais uma vez justificada aqui com os atores Michael J. Fox e Christopher Lloyd. O primeiro encarna com seu estilo único o jovem Marty McFly que embarca na máquina do tempo inventada pelo segundo, o cientista Doc Brown, para encarar muitas aventuras 30 anos no passado e tentar procurar uma forma de retornar ao seu tempo. Os pais de Marty foram interpretados pelos talentosos Crispin Glover e Lea Thompson, enquanto o vilão Biff Tannen, que era apenas um valentão de colegial e não queria dominar o planeta, foi trazido à vida pelo ótimo e injustiçado ator Thomas F. Wilson.



devoltaparaofuturo_2

Claro que não poderia deixar de destacar um dos pontos mais marcantes do filme: a máquina do tempo. Como Marty mesmo disse para Doc Brown, “Você construiu uma máquina do tempo em… um DeLorean”, ao invés de usar a ideia original de uma geladeira (para alegria das mães), os diretores decidiram por um carro com design extremamento futurista para a época. Com “portas de gaivota” e lataria em aço inoxidável, o DeLorean foi a escolha perfeita, deixando todos boquiabertos com suas performances na tela e criando um dos maiores ícones do cinema pop.

Aproveite para assistir:



Apesar de todos estes motivos, de ter arrebatado as bilheterias arrecadando mais de 350 milhões de dólares (um feito digno de ‘Avatar para a época) e de ter aberto espaço para duas continuações bem sucedidas que fecharam uma das trilogias mais celebradas do cinema, faltava um último teste para considerarmos este filme um clássico: o tempo. Mais de 30 anos depois, seu brilho continua intacto assim como a legião de fãs que o assistiram na época e agora o apreciam com seus filhos.

‘De Volta Para o Futuro’ não ganhará refilmagem tão cedo 

devoltaparaofuturo_3

Em uma época de pouca criatividade em que Hollywood é inundada com remakes e reboots, claro que existem conversas de reiniciar esta franquia. Mas os deuses do cinema estão atentos e o diretor Robert Zemeckis já afirmou que, enquanto ele viver, ninguém irá levar isso adiante. Por que refazer o que já é perfeito? Com todo respeito aos fãs e ao legado da série, seria como refilmar a trilogia clássica de ‘Guerra nas Estrelas‘. Vamos torcer para que Marty, Doc Brown e o DeLorean escapem ilesos dessa ameaça e continuem vivos em nossas memórias sempre que quisermos viajar no tempo sem precisar sair do sofá.

O elenco da trilogia se reuniu hoje dia 17 de Julho, em Londres. Michael J Fox, Christopher Lloyd e Lea Thompson subiram ao palco da London Film & Comic Con para falar sobre a franquia e relembrar os melhores momentos. Confira as fotos:



Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva