Star Wars é uma das maiores franquias do cinema e conta com uma legião apaixonada de fãs. Entretanto, esse amor, às vezes, passa dos limites e esses fãs acabam se sentindo donos da saga e com o direito de reclamarem e julgarem decisões que não os agrade. Isso costuma resultar em xingamentos, perseguições e assédio a diversos atores que ficaram traumatizados após interpretarem algum personagem na saga. Confira!


Jake Lloyd



Na época em que interpretou o pequeno Anakin Skywalker, Jake Lloyd era um menino de apenas 8 anos. Além de ter que conviver com o bullying frequente de seus coleguinhas da escola, que imitavam o som de um sabre de luz toda vez que ele ia para a aula, o menino sofreu com a rotina exaustiva das gravações e das mais de 60 entrevistas diárias. O resultado disso foi uma aposentadoria precoce das telonas e uma adolescência/ vida adulta repleta de traumas.


Kelly Marie Tran

Em Os Últimos Jedi, a jovem Kelly Marie Tran interpretou Rose Tico, uma mecânica que perdeu a irmã em um dos ataques da Resistência à Primeira Ordem. A personagem não caiu nas graças do público e a atriz começou a receber xingamentos sexistas e xenofóbicos. A onde de hate recebida foi tão grande que a atriz decidiu encerrar suas contas nas redes sociais. Neste caso, felizmente, ela deu a volta por cima e já está em diversas produções atuais, como Raya e o Último Dragão.



Daisy Ridley

Diferentemente dos outros membros dessa lista, Daisy Ridley não sofreu diretamente com o ódio dos fãs. Porém, como ela era uma atriz praticamente desconhecida antes de interpretar Rey Skywalker em Star Wars, ela precisou fazer terapia para lidar com a fama repentina. Em entrevista para a Vanity Fair, ela afirmou que os fãs a reconheciam na rua e ela tinha crises nervosas. A situação era tão grave que a atriz chegou a ter irritações na pele por conta disso. Atualmente, porém, ela já aprendeu a lidar com a fama.

Aproveite para assistir:




Ahmed Best

Assim como Jake Lloyd, Ahmed Best foi uma das vítimas de A Ameaça Fantasma. Na trilogia prequel, ele foi o ator que deu voz ao polêmico e odiado Jar Jar Binks. Pensado para ser um alívio cômico, o Gungan acabou virando um dos personagens mais irritantes da saga, mas isso não foi culpa do ator. No entanto, ao descobrirem quem era o ator por trás do alienígena, alguns fãs começaram a importuná-lo com críticas presencialmente e por redes sociais. A perseguição foi tão intensa que ele revelou ter cogitado o suicídio.

Hayden Christensen 



A missão que Hayden topou ao aceitar ser o protagonista de uma trilogia Star Wars não seria fácil caso ele fosse um personagem novo. Porém, a dificuldade fica ainda maior quando o personagem que você vai viver é “apenas” um dos maiores vilões de todos os tempos, o temível Darth Vader. Na pele de Anakin Skywalker, o ator entregou um trabalho marcado por diálogos sofríveis e uma total ausência de expressões faciais. Isso foi o bastante para os fãs encherem a paciência do coitado, que não emplacou mais nenhum sucesso após o fim da trilogia prequel. O jogo, entretanto, parece ter virado porque no último ano, um grupo de fãs começou uma campanha virtual para que ele reprisasse seu papel na vindoura série do Obi-Wan Kenobi. E deu resultado, porque a Disney gostou da ideia e teremos a presença de Hayden Christensen no seriado.

 

A franquia Star Wars está disponível no Disney+

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva