Apesar de ter chegado um pouco atrasada nesta festa, a HBO Max tem se tornado uma das favoritas dos fãs por seu acervo cada vez maior de filmes da Warner, de produções novíssimas, recém-lançadas nos cinemas e aquisições da Sony e Paramount. Confira abaixo e comente.

Antebellum

Outro que passou fora dos radares por motivo da pandemia foi este thriller de horror misterioso, que possui doses do subgênero representativo social – impulsionado pelos filmes de Jordan Peele. A cantora Janelle Monáe demonstrou enorme talento como atriz em filmes como Estrelas Além do Tempo e Moonlight. Assim logo foi escalada para protagonizar a segunda temporada de Homecoming, da Amazon, e no mesmo ano viria a protagonizar aqui também. Na trama, Monáe vive uma autora renomada de muito sucesso. Inexplicavelmente, ela se vê presa a uma realidade aterradora, quando aparentemente volta no tempo para a época dos escravos.

Duas Tias Loucas de Férias



Tido como uma das comédias mais engraçadas de 2021, o filme é das mesmas criadoras do sucesso Missão Madrinha de Casamento (2011). As semelhanças vão além com o protagonismo da mesma Kristen Wiig, como parte da dupla de “tiazonas” sem noção. Barb e Star (Annie Mumolo e Wiig) são duas mulheres de meia idade que nunca saíram de sua pequena cidade nos EUA. Elas então decidem se aventurar numa viagem de férias na Flórida, numa jornada que irá mudar suas vidas para sempre.

Bloodshot

Aproveite para assistir:

O astro Vin Diesel lançou este ano o nono capítulo na saga de ação Velozes e Furiosos. Porém, ano passado, um filme do ator, que até tinha grande potencial, terminou passando sem ser notado. Bloodshot pode ser considerado um dos filmes mais azarados de 2020, pois seu lançamento coincidiu com o início oficial da pandemia em que tudo estava fechando no mundo. Assim, quase ninguém conseguiu conferir o filme que traz o astro dando vida a um cultuado quadrinho underground, no qual vive um soldado sendo trazido de volta à vida com novos dons e implantes de memória. Essa é sua chance de conferir a superprodução da Sony.

A Ilha da Fantasia



Outra superprodução da Sony, aqui temos novamente uma adaptação. Essa, porém, não se trata de uma HQ, mas sim de um famoso seriado de TV da década de 1970, que é usado como fonte desta reimaginação. O filme, produção da Blumhouse, no entanto, diferentemente da série clássica, resolve apostar no terror como gênero para uma história sobre visitantes selecionados para viajarem até uma misteriosa ilha, capaz de tornar seus desejos mais íntimos em realidade, até mesmo os mais sombrios e assustadores. Esse ano, a Fox lançará ainda uma nova versão da trama na forma de um novo seriado.

O Caminho de Volta

O astro Ben Affleck já viu muitos altos e baixos em sua carreira. Mas nós, fãs do ator que somos, estamos sempre torcendo por ele na frente e fora das câmeras. Na vida pessoal, após a separação da esposa e da batalha contra o alcoolismo, o ator parece ter engatado novo romance com a antiga companheira Jennifer Lopez. Bom para eles, que tenham sucesso no amor. No cinema, apesar de ter dado bola fora em suas participações como Batman, ele também está ganhando novas chances no papel, primeiro em Liga da Justiça de Zack Snyder, lançado este ano, e em 2022 no vindouro filme do Flash. Aqui, no entanto, num filme que tem tudo a ver com redenção, ele vive um ex-astro do basquete colegial que desperdiça sua grande chance de se tornar profissional. Agora, como treinador, ele vislumbra a oportunidade de se redimir.

Má Educação

O astro Hugh Jackman vem chamando novamente atenção com suas postagens enigmáticas com os produtores da Marvel. O fato fez os fãs desconfiarem que talvez o retorno do ator como Wolverine agora na Marvel esteja em andamento. Seja como for, Jackman tem apostado em muitas produções de qualidade, que infelizmente não caem no conhecimento de todos, como foi o caso do ótimo O Favorito (2018), de Jason Reitman. Aqui, ele volta a apostar num drama com doses de suspense eletrizante ao viver o diretor de um colégio, envolvido num esquema de corrupção e desvio de verba educacional, baseado numa história real.

Cores da Justiça

Por falar em thrillers arrepiantes, aqui temos um filme policial com fortes doses sociais, que tem tudo a ver com o mundo moderno. Quem protagoniza é a subestimada Naomie Harris (indicada ao Oscar) na pele de uma policial patrulhando seu antigo bairro pobre, onde é vista pelos amigos de infância como “traidora”. Sem pertencer completamente a um de ambos os universos da força policial e de seu bairro, ela se vê em meio a uma conspiração ao se deparar com policiais corruptos da banda podre e ficar jurada de morte por eles. Agora para sobreviver ela terá que pedir ajuda às mesmas pessoas que haviam lhe virado as costas. No elenco, Tyrese Gibson, o Roman de Velozes e Furiosos.



O Preço do Talento

Dono de um futuro promissor e brilhante no cinema, o ex-astro mirim Shia Labeouf parece ter desperdiçado grandes oportunidades ao não aguentar a pressão da fama e surtar, assim como tantos outros antes dele. Astro da franquia Transformers, o ator havia caído nas graças de Steven Spielberg, ainda fazendo com o diretor o quarto Indiana Jones e Controle Absoluto, tudo isso até 2008. Após o terceiro filme dos robôs gigantes, Labeouf começou a exibir o comportamento cada vez mais errático e terminou sendo eliminado da franquia e vendo Hollywood virar as costas para ele. O ator, porém, ensaia um retorno, e aqui temos um de seus maiores esforços nesse movimento. Honey Boy, no título original, é uma biografia escrita pelo próprio, que fala de sua juventude e o comportamento abusivo de seu pai. No filme, Shia interpreta seu próprio pai. Isso que é catarse.

A Cordilheira

Saindo de um ator problemático para um que é um verdadeiro pilar da dramaturgia mundial, querido por multidões em seu país e na América Latina e Europa. Falamos do talentosíssimo Ricardo Darín, considerado por muitos especialistas um dos melhores intérpretes em atividade atualmente. Neste thriller político, Darín vive o presidente argentino, num encontro com os demais governantes dos países da América do Sul e México. Apesar do prestígio e renome envolvido, este foi um filme do ator que não chegou aos cinemas de nosso país, coisa rara para suas obras por aqui, e isso numa época bem anterior à pandemia. Ou seja, oportunidade mais que perfeita para conferir o longa.

Leia também: Netflix | Filmes de Todos os Gêneros para Curtir o Feriado


Alguém Avisa?

A jovem atriz Kristen Stewart realmente deixou para trás a época em que duvidavam de seu talento na atuação devido à franquia Crepúsculo. Além de ter vencido o prêmio César, o Oscar francês, em 2015 por Acima das Nuvens (sendo a única americana a receber tamanha honraria), recentemente Stewart foi ovacionada de pé por sete minutos no Festival de Veneza pelo seu desempenho em Spencer, no qual interpreta a Princesa Diana. Voltando um pouco no tempo, temos a comédia Alguém Avisa?, lançada durante a pandemia, da qual muitos sequer tomaram conhecimento. Aqui, a atriz mostra que sabe se divertir ao brincar com o tabu de um relacionamento lésbico. Ela contracena com a igualmente talentosa Mackenzie Davis, vivendo um casal. A trama se desenrola quando Stewart vai conhecer a família de Davis, que não sabe que elas são um casal. É a oportunidade perfeita para conferir na HBO Max.

Leia também: Amazon | Filmes Recentes de Todos os Gêneros para Curtir o Feriado

Comentários

Não deixe de assistir: