Durante uma entrevista para o The Daily Wire, Jason Blum, presidente da Blumhouse Pictures, disse que a indústria cinematográfica não será a mesma após a crise do Coronavírus.

O cineasta afirmou que estúdios e produtoras independentes terão que se adaptar para concorrer com plataformas de streaming depois que o público se acostumar a ficar em casa.

“Acho que não é realista pensar que todos os estúdios vão se beneficiar com o lançamento de seus filmes em versões digitais, principalmente os estúdios independentes. Não há como competir com a Amazon, Netflix, Disney+, ou Apple TV. Serviços de streaming já têm seu público fiel.”

Blum também disse que ainda vai demorar bastante até que o público se sinta confortável para ir ao cinema.


“Pelos próximos meses, o consumidor estará tão acostumado a ficar em casa que vai demorar muito para tudo voltar ao normal, então a indústria cinematográfica pode não ser a mesma por um bom tempo. Será um teste e tanto para a criatividade de qualquer cineasta e administradores de redes de cinema.”

Para quem não conhece, a Blumhouse é famosa pela produção de grandes títulos de suspense e terror, como ‘Hush – A Morte Ouve’, ‘Corra!’, ‘Nós’, e as franquiasAtividade Paranormal’, ‘Sobrenatural’, ‘A Entidade’, eUma Noite de Crime’.

De acordo com o Deadline, a produtora e a emissora Epix estão desenvolvendo uma série documental baseada em assassinatos motivados por cultos satânicos na década de 1970.

Aproveite para assistir:

Intitulada ‘Fall River‘, a produção se passa em uma pequena cidade de Massachusetts marcada por terror e paranoias após uma onda de assassinatos que mudaram a vida de seus moradores para sempre.

Além disso, a trama vai retratar como o impacto da mídia influenciou os investigadores a buscarem por novas pistas e testemunhas para casos supostamente solucionados.

A direção fica por conta de James Buddy Day (‘Manson: The Women’), que também atua como produtor executivo.

Como o projeto ainda está nos estágios iniciais, ainda não há previsão de estreia.


Confira a sinopse:

“1979 – Fall River, Massachusetts (lar da famosa Lizzie Borden), três jovens mulheres foram mortas em uma série de assassinatos brutais. A polícia alega que um culto satânico estava praticando sacrifícios humanos. O líder do culto, um homem chamado Carl Drew foi capturado e condenado à prisão perpétua sem liberdade condicional. Vinte anos após o julgamento, o principal investigador dos assassinatos ficou tão assombrado pelas inconsistências nas histórias que voltou a estudar seu próprio caso mesmo depois de se aposentar.”

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE