[ANTES DE COMEÇAR A MATÉRIA, FIQUE CIENTE QUE ELA ESTÁ RECHEADA DE SPOILERS] 

Se você ainda não assistiu o terceiro episódio de WandaVision, não leia esta matéria se não quiser receber spoilers.

O terceiro episódio de WandaVision estreou nesta sexta-feira e deixou os fãs vibrando com a grande virada na trama até então. Com a confirmação de que Geraldine é Monica Rambeau (Teyonah Parris), uma agente da SWORD, e de que Agnes (Kathryn Hahn) realmente sabe mais do que aparenta, as redes sociais só comentam sobre isso, como é mostrado nos trending topics do Twitter. Porém, mais do que isso, o que chama atenção é que os gêmeos Maximoff enfim nasceram e Wanda (Elizabeth Olsen) parece estar perdendo o controle sobre seus poderes de manipulação da realidade a cada novo episódio. Da mesma forma, Visão (Paul Bettany) está cada vez mais próximo de entender como ele voltou da morte.

Porém, segundo os fãs, é bem provável que um possível easter egg tenha introduzido uma nova agência secreta dos quadrinhos da Marvel bem debaixo dos nossos narizes. Enquanto faz seu papel cômico de vizinha abusada, Geraldine/ Monica revela que recebeu uma promoção no trabalho e indica seu superior como Haddox. No universo dos quadrinhos, não temos um personagem de tanto destaque chamado Haddox. No entanto, existe a diretora Myra Haddock, que cuida da Divisão Prometheus do Departamento H. Para quem não está familiarizado com o nome, o Departamento H é um órgão do governo canadense que estreou nas HQs dos X-Men nos anos 1970 (mesma década do 3º episódio), cuja função é monitorar e controlar as atividades dos super-humanos no Canadá. Ele ficou famoso por ter sido o local de nascimento do Deadpool e da Arma-X, projeto que criou o Wolverine. Além, claro, de ter o controle da Tropa Alfa, o grupo de heróis canadenses. É interessante lembrar também que, após os eventos de Dinastia M, saga em que a Wanda altera a realidade e dizima mais de 90% dos mutantes do mundo, o Wolverine acaba revivendo suas memórias de tortura no projeto Arma-X às portas do Departamento H.



A Tropa Alfa é como uma versão canadense dos Vingadores.

Se antes os fãs já especulavam que Agnes poderia ser, na verdade, a bruxa Agatha Harkness, o vizinho Herb também virou alvo de uma nova especulação, já que, segundo os fãs, ele poderia ser ninguém menos que Herbert Wyndham, o Alto Evolucionário. O personagem é um cientista brilhante que flerta entre uma figura protetora e um completo lunático. Ele consegue alterar o DNA dos seres vivos, viajar por dimensões e pelo tempo, além de ser considerado o maior geneticista da Marvel, ter acesso a qualquer tipo de tecnologia, já ter cuidado de Wanda e Pietro Maximoff nos quadrinhos e ter feito parte de histórias da Tropa Alfa. E como ele aparece quase revelando um segredo sobre aquela realidade ao Visão neste terceiro episódio de WandaVision, a teoria parece ganhar força. Como se isso não fosse o bastante, ele está trabalhando junto com Agnes – que vive falando de demônios e obscurantismo na série. Se a teoria de que ela é Agatha Harkness e está envolvida com o demônio Mephisto for confirmada, é interessante lembrar que o Alto Evolucionário é um dos responsáveis por acidentalmente soltar o demônio Chthon.

O personagem “Alto Evolucionário” já estava sendo cotado para aparecer em “Guardiões da Galáxia Vol.3”. Será que ele já fez sua estreia em WandaVision?

Lembrando, claro, que tudo isso são especulações dos fãs, então podem acontecer ou não. E você? Acredita que o Departamento H fará sua estreia no MCU trabalhando junto a SWORD? Será que Agnes e Herb não são quem aparentam?

Os novos episódios de WandaVision estreiam toda sexta-feira no Disney+.

Aproveite para assistir:



Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE