10 séries de comédia atuais para nos ajudar a superar a tristeza do dia a dia

10 séries de comédia atuais para nos ajudar a superar a tristeza do dia a dia



2019 não tem sido um ano fácil. Estamos em fevereiro e já nos vemos diante de um noticiário repleto de coisas ruins. Tragédias ambientais, sociais e políticas ocupam nosso dia a dia. E diante de tanta notícia ruim e do clima pra baixo, existe uma forma simples de buscar uma dose de alegria diária: assistindo à uma série leve e divertida.

Tentando tirar todo mundo da bad, o CinePOP selecionou 10 séries de comédia da atualidade que servem de escapismo dessa tristeza de todos os dias. É importante ressaltar que a lista em questão não é das melhores séries de comédia de hoje, mas sim daquelas que fazem o espectador se sentir bem. Pode parecer a mesma coisa, mas não necessariamente.

Brooklyn Nine-Nine

Onde assistir: Netflix (Temporadas 1-4) e TNT Séries (5ª Temporada)

Nine-Nine!!! Criador de duas das maiores comédias da história das séries (The Office e Parks & Recreation), Michael Schur também é responsável por esta deliciosa produção estrelada por Andy Samberg, Stephanie Beatriz, Terry Crews, Chelsea Peretti e companhia. Brooklyn Nine-Nine é uma comédia policial divertidíssima, com personagens complexos e trama moderna, tratando de muitos temas importantes de forma natural. A série chegou a ser cancelada pela Fox após cinco temporadas. Felizmente, após pressão por parte dos fãs, a NBC optou por salvar a produção, que está em seu sexto ano atualmente.


Aproveite para assistir:


Atypical

Onde assistir: Netflix (Temporadas 1-2)

Tá pra existir comédia mais fofa que Atypical. É difícil não sair de um episódio com um sorriso no rosto. É leve, divertida e, mais uma vez, muito relevante. Trata de temas sérios como autismo, aceitação e, é claro, adolescência. Sam (Keir Gilchrist) é o personagem principal, mas a série foca sua atenção em todas as pessoas no entorno, como a irmã (Brigette Lundy-Paine), os pais (Jennifer Jason Leigh e Michael Rapaport) e os amigos (Nik Dodani, Jenna Boyd e Graham Rogers). A produção foi renovada para uma terceira temporada, que ainda não possui previsão de estreia.

Crítica | Atypical Temporada 2: Original da Netflix segue ritmo cíclico sem perder seu brilho

Crítica | Atypical - 1ª Temporada

Forever

Onde assistir: Amazon Prime Video (1ª Temporada)

Ícones do Saturday Night Live, Maya Rudolph e Fred Armisen são os protagonistas desta engraçada e original comédia da Amazon. A dupla vive um casal muito apaixonado, mas que já começa a sentir a passagem do tempo e o peso da rotina em seu dia a dia. Quando os dois, num período curto de tempo, acabam falecendo, eles se reencontram no pós-vida e tentam seguir o relacionamento ao mesmo tempo em que buscam entender a nova situação de “vida”. Além de oferecer momentos divertidos, a série também investe bastante na reflexão, com direito a uma abordagem mais dramática. Mas nada que não vá deixar o espectador feliz, até porque é sempre legal ver algo diferenciado.

Choque de Cultura

Onde assistir: TV Quase (4ª Temporada e extras), Globo Play (3ª Temporada) e Omeleteve (Temporadas 1-2)

O que começou como um programa despretensioso no YouTube, aos poucos se tornou uma sensação da cultura pop no Brasil. O Choque de Cultura pode não parecer uma série no formato tradicional, mas é sim um dos melhores exemplos de humor na internet brasileira da atualidade. Caito Mainier, Daniel Furlan, Raul Chequer e Leandro Ramos vivem quatro motoristas de transporte alternativo que comandam uma espécie de mesa redonda sobre séries e filmes. E o resultado é divertidíssimo. Além de produzir uma imensidão de memes e frases de efeito, a série serviu para apresentar ao grande público o belo trabalho do time da TV Quase, que faz um humor inteligente e moderno, sem se perder em ofensas ou debates vazios.

Barry

Onde assistir: HBO (1ª Temporada)

Uma das sensações da TV em 2018, Barry recebeu três estatuetas na última edição do Emmy, incluindo Melhor Ator (Bill Hader) e Melhor Ator Coadjuvante (Henry Winkler). A série da HBO acompanha um assassino profissional (Hader) que recebe a missão de matar um aluno de um curso de teatro, em Los Angeles. Em meio ao novo serviço, Barry acaba se envolvendo com o curso e passando a dividir seu tempo com a carreira de ator amador. Sempre intenso, Hader cria um personagem complexo em meio a um cenário muito divertido. A segunda temporada estreia em março, na HBO.

The Good Place

Onde assistir: Netflix (Temporadas 1-3)

Quer uma série que é ao mesmo tempo comédia e aula de filosofia? Essa pergunta três anos atrás resultaria em infinitos “não”. Mas The Good Place provou que uma série pode falar de ética, moral, busca por autoconhecimento e evolução, e ainda assim ser muito divertida. A produção estrelada por Kristen Bell, William Jackson Harper, Jameela Jamil, D'Arcy Carden, Manny Jacinto e Ted Danson é original e com momentos encantadores. As três temporadas contam com grandes qualidades e destaca-se ainda a vontade de sempre tentar surpreender o espectador. Com o tempo, os fãs foram se acostumando a esperar pelo inesperado, mas nem assim a vontade de maratonar diminuir. A quarta temporada já está confirmada.

Crítica | The Good Place - Um presente aos apreciadores do humor ácido

Crítica | The Good Place: 3ª Temporada - D’Arcy Carden é a melhor coisa do novo ano

One Day at a Time

Onde assistir: Netflix (Temporadas 1-3)

Uma das melhores séries que quase ninguém vê, One Day at a Time sofre com ameaças de cancelamento toda vez que uma temporada acaba, mas os fãs têm conseguido convencer não apenas a Netflix a seguir com a série, mas também a novos espectadores a passarem a acompanhar a trama. Afinal, Rita Moreno não desistiu da aposentadoria para vocês ficarem ignorando este preciosidade aqui. Poucas séries de comédia tratam de temas tão sérios e modernos de forma tão leve, mas sem deixar de ser impactante. Em três anos, a série já abordou dependência química, religião, depressão, ansiedade e questões de gênero e sexualidade.

Crítica | One Day At a Time - comédia mais que necessária

Crítica | One Day at a Time: 3ª Temporada - uma perfeita mistura de diversão e reflexão

Better Things

Onde assistir: Fox Premium (Temporadas 1-2)

Criada por Pamela Adlon e Louis C.K., Better Things se viu ameaçada de cancelamento após as acusações de assédio contra o comediante e produtor, que teve seu contrato com o FX cancelado. Felizmente, a emissora não puniu a série. Já sem o envolvimento de C.K., Better Things teve sua terceira temporada confirmada e voltará em 2019. Adlon é protagonista, roteirista e diretora da produção. Ela vive uma atriz e mãe solteira que luta para cuidar das três filhas e de sua mãe, enquanto tenta equilibrar a vida profissional com novas relações. É uma história muito feminina e importante, que arranca múltiplos risos dos espectadores. Pode ter momentos dramáticos, mas que sempre surgem de forma muito natural e sincera.

Sex Education

Onde assistir: Netflix (1ª Temporada)

A mais nova sensação da Netflix, Sex Education é uma obra leve, divertida e muito inteligente, tratando de temas sérios de forma muito relevante. Aborda vários elementos da vida sexual e social de um grupo de adolescentes, mas não trata nada como tabu. Isso fica claro quando retrata o aborto de uma personagem e não volta a tratar disso mais pra frente. Jamais diz que aquilo foi algo fácil, mas deixa claro que não precisa marcar toda a história daquela personagem. A ideia de um adolescente com problemas de aceitação e conduta quase assexuada que de uma hora pra outra vira uma espécie de terapeuta sexual de seu colégio é fascinante. Asa Butterfield, Gillian Anderson, Emma Mackey e Ncuti Gatwa são os destaques do elenco. A segunda temporada já foi anunciada.

Crítica | Sex Education - Série da Netflix apresenta sexo de forma saudável e atrevida

Good Girls

Onde assistir: Netflix (1ª Temporada)

Uma trinca de mães do subúrbio que, diante de problemas financeiros, decidem assaltar um mercado local e se veem em meio a uma organização criminosa, faz a história de Good Girls. A série estrelada por Christina Hendricks, Retta e Mae Whitman chega para sua segunda temporada em breve. E mal podemos esperar para ver como vai seguir a trama das personagens. A química das três faz da série algo diferenciado. Tem seus altos e baixos, mas diverte. E muito.

Crítica | Good Girls - Netflix lança deliciosa série com mulheres assaltantes

Crítica em Vídeo | Good Girls - A nova comédia de sucesso da Netflix

Bônus: Queer Eye

Onde assistir: Netflix (Temporadas 1-2)

Queer Eye não é uma série de ficção. Nem uma comédia. Ainda assim, poucas produções recentes dão a sensação de “se sentir bem” como este reality show. É sempre divertido (e emocionante) conferir os cinco fabulosos tentando acertar a vida de homens héteros. Além de curtir, o espectador também aprende muito com o quinteto. Inclusive, inúmeras receitas envolvendo guacamole. O terceiro ano estreia em breve.


COMENTÁRIOS