Depois de anos em desenvolvimento, o filme do ‘Adão Negro‘ vai chegar às telonas em julho deste ano, e o protagonista Dwayne Johnson está apostando alto na divulgação do longa.

Durante uma entrevista para a Men’s Journal, o astro deu amais alguns detalhes sobre o personagem, afirmando que ele não pode ser definido como um herói ou vilão na adaptação.

“Os super-heróis vivem de acordo com um código de ética e uma linha de integridade. Mas é diferente com Teth [nome original do personagem]. Dependendo de como você olha para ele, ele tem a capacidade de ser um herói, um anti-herói e um vilão. No universo DC tradicional, sabemos que, se você fizer algo errado, Superman e Batman tentarão levá-lo à justiça. Se você fizer algo errado perante o Adão Negro, você morrerá. É simples assim. esse cara vai mudar a natureza dos filmes de super-heróis.”

Ele continuou, explicando que a complexa origem do personagem foi o que mais lhe atraiu para o projeto.



“Uma das coisas que me atraiu para este filme é sua origem. Ele começa como um escravo. Uma vez que você tem um personagem, ou qualquer ser humano, que foi injustamente pressionado por outros, é realmente satisfatório quando eles dão a volta por cima. Por causa disso, você não consegue julgá-lo como certo ou errado, mesmo que suas ações sejam extremistas.”

Aproveite para assistir:

Anteriormente, Johnson divulgou uma imagem inédita dos bastidores em seu perfil do Instagram, revelando uma parte do processo de efeitos visuais da adaptação.

Na publicação, ele está sentado em uma máquina usada para capturar imagens de sua cabeça e ombros.

Ao que parece, suas imagens serão inseridas no modelo digital do personagem em algumas cenas mostrando sua vida como escravo.



Na legenda, ele também revelou que as gravações levaram nada menos que 10 horas para serem concluídas devido à complexidade das cenas.

Confira:

 “Dia de trabalho muito longo, mas muito produtivo para a nossa produção de efeitos visuais de ‘Adão Negro’. 10 horas sentado no ‘ovo’ (como é conhecida a máquina) filmando sequências extremamente complicadas onde eu só posso mover meus olhos, cabeça e ombros focando em marcas não maiores que um quarto – tudo isso enquanto atuo como Adão Negro. Na mitologia, Teth Adam (seu nome original antes de sua alma ser escurecida), começa como um escravo em sua terra natal, Kahndaq. Essas sequências são super intrincadas e complexas. Exigem um verdadeiro ESFORÇO DE EQUIPE para dar certo. Por isso, deixo meu enorme OBRIGADO ao nosso diretor, Jaume Collet Serra. Ao nosso supervisor de efeitos e duas vezes vencedor do Oscar, Bill Westenhofer. E a toda a nossa equipe de pós-produção A+ LOLA. Obrigado a todos pelo seu tempo e talentos incríveis… Mal posso esperar para que o mundo finalmente veja O HOMEM DE PRETO.”

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por therock (@therock)

Apesar do filme ainda não ter estreado, o produtor Hiram Garcia está confiante de que o longa vai fazer sucesso.



Isso porque ele já está pensando em uma sequência para o título estrelado por Dwayne Johnson.

Em entrevista ao Collider (via Comic Book), o cineasta não escondeu sua empolgação ao comentar sobre o assunto.

“Nunca pensamos em ‘Adão Negro’ como um único filme. Sempre tivemos uma visão de onde queríamos que essa história fosse. Sou um nerd, um fã de quadrinhos que ama tanto esse universo, você pode perceber pela minha empolgação em falar sobre todas essas coisas.”

Ele continuou, revelando que o longa também pode gerar filmes derivados sobre os membros da Sociedade da Justiça, mas tudo depende da recepção do público.

“Eu penso que a história que queremos contar neste filme vai levar a vários desdobramentos, incluindo derivados de personagens individuais, já estávamos conversando sobre isso, mesmo antes dos rascunhos do roteiro. Mas, novamente, em última análise, precisamos que o filme seja bem recebido e queremos que os fãs gostem, mas há 100% de planejamento do que gostaríamos de fazer em um aspecto de filmes múltiplos quando se trata do próprio Adão e também da Sociedade da Justiça.”



Anteriormente, ele já havia revelado ao portal que estava planejando um universo compartilhado com os personagens do filme, além do Shazam (Zachary Levi).

“Há várias conversas em andamento sobre como tudo vai se desenrolar e é muito emocionante para mim como cineasta, mas ainda mais como fã. Infelizmente, não posso falar muito sobre isso porque ainda são ideias em andamento, mas posso dizer que, do nosso lado, estamos muito focados em construir um universo compartilhado entre ‘Adão Negro’, ‘Shazam’, a Sociedade da Justiça e muitos outros heróis. E acredite em mim quando digo que temos grandes ambições para todos esses personagens e as histórias que queremos mostrar sobre eles.”

E aí, você também está ansioso?

Confira a sinopse, junto com as imagens oficiais e o trailer:

Quase cinco mil anos após ter ganho poderes incríveis dos deuses egípcios, Adão Negro foi aprisionado. Agora, ele é libertado de sua tumba e está pronto para desencadear sua forma peculiar de justiça no mundo moderno.





Além de Brosnan e do protagonista Dwayne Johnson, o elenco também vai apresentar a Ciclone (Quintessa Swindell), Adrianna Tomaz (Sarah Shahi) e o Esmaga-Átomo.

Bodhi Sabongui, Marwan Kenzari, James Cusati-Moyer Mo Amer também foram escalados em papéis não revelados.

Apesar das informações sobre a narrativa permanecerem às escondidas, os fãs já sabem que Adão Negro é o antagonista principal do herói conhecido como Shazam. Nos tempos modernos, entretanto, o personagem evoluiu para um anti-herói extremamente complexo e conturbado – tornando-se uma das criações mais proeminentes do panteão da DC.



Dirigido por Jaume Collet-Serra (‘Águas Rasas‘), o longa se passará no mesmo universo de ‘Shazam!‘.

Não deixe de assistir: