O obscuro universo das escolhas éticas em meio a dramas familiares. Criado por Peter Moffat e baseado em uma série israelense chamada KvodoYour Honor tem intensos 10 episódios e que ao longo de sua trajetória abre inúmeras portas de possibilidades através da eminência, do conflito entre duas famílias, representadas pelos pais. Mesmo buscando profundidade até mesmo onde poderia ser objetivo na superfície, o caminho até o clímax é lento e sempre deixando atento para o espectador, pequenas dicas sobre os destinos. Bryan Cranston e Michael Stuhlbarg, dois dos maiores atores da atualidade comandam o embaralhado castelo de cartas que é descontruído pela inconsequência dos atos de seus perigosos (cada um a seu estilo) personagens. Your Honor está disponível no catálogo da Paramount Plus.

Na trama, conhecemos o adorável ético juiz Michael Desiato (Bryan Cranston) que vive dias entre corridas, seu tribunal e a educação de seu filho Adam (Hunter Doohan), que faz menos de um ano que perdeu a mãe. Adam possui uma paixão por fotografia e tem um caso com uma professora do seu colégio. A vida de pai e filho muda radicalmente quando o segundo, em meio a uma situação de stress e medo, perde a direção de seu carro e atropela Rocco (Benjamin Wadsworth) levando-o a morte logo em seguida. O atropelado é filho do cruel e bandido Jimmy Baxter (Michael Stuhlbarg). Sem saber o que fazer, Adam pede ajuda a seu pai e ambos começam um jogo de mentiras para esconderem o que de fato aconteceu.



Indicado ao Globo de Ouro na categoria de Melhor ator em série dramática (Cranston), o maior conflito desse seriado é o da ética e suas ramificações, com a situação que se coloca o respeitado juiz interpretado pelo brilhante Bryan Cranston. Quando as cartas são abertas na mesa, os duelos com Jimmy Baxter (que também possui um intérprete genial, Michael Stuhlbarg) são repletos de sentimentos agressivos onde se alternam em uma improvável aliança provisória sem esquecerem os porquês que os levaram até ali.

Aproveite para assistir:

Em segundo plano, fica o confuso arco do filho de Michael, Adam (Hunter Doohan), responsável direto pelo incidente que provoca toda uma guerra na cidade. Tão confuso quanto esse arco são as escolhas desse perdido personagem que apenas trafega pela história que ainda reúne bons coadjuvantes em subtramas intensas e que acabam sendo atingidas pelo efeito dominó que o atropelamento causa em toda a cidade, virando uma rivalidade aflorada entre negócios ilegais, advogados vs juízes vs detetives e a falta de inconsequência constante de personagens limitados à sede de vingança flertando com a corrupção.

 



Comentários

Não deixe de assistir: