Antes da estreia de ‘Pantera Negra‘, foram os irmãos Joe e Anthony Russo que trouxeram Chadwick Boseman ao MCU em ‘Capitão América: Guerra Civil‘.

Anos mais tarde, eles voltaram a trabalhar com ele em ‘Vingadores: Guerra Infinita’ e ‘Ultimato’.

Durante sua participação na CCXP Worlds, os cineastas fizeram questão de prestar homenagem ao astro, falecido em 28 de agosto, vítima de câncer.

“Ele tinha uma integridade incrível. Ele era um ser humano muito atencioso, artístico e elegante. Era simplismente um prazer estar perto dele.”, disse Joe ao Collider.



Ele continuou, dizendo que o trabalho de Boseman era mais humanitário do que artístico:

“Seu profissionalismo era muito inspirador. Eu acho que ele não queria que sua doença se tornasse um assunto mais importante que o talento natural que ele tinha. Ele conseguiu transformar ‘Pantera Negra‘ em um legado humanitário de representatividade e essa é uma das coisas mais corajosas que já vimos alguém fazer. Não era só um filme para Chad. Ele não estava apenas atuando, ele estava dando voz às minorias.”

Aproveite para assistir:

Lembrando que o próximo trabalho de Boseman será o já aclamado A Voz Suprema do Blues, que estreia na Netflix em 18 de dezembro.

Em uma recente entrevista ao The Guardian, a vencedora do Oscar Viola Davis revelou que Boseman será relembrado como um herói.



“Creio que ele será lembrado como um herói. Há uma parte do público que o associa a Pantera Negra. Eu não. Eu o associo com sua autenticidade, especialmente em meio a uma profissão que às vezes te drena. Ele era alguém que viveu uma vida maior do que todos. E creio que seu legado, seu corpo de trabalho, sua integridade, irá influenciar gerações e mais gerações futuras”.

Dirigida por George C. Wolfe, a cinebiografia é baseada na peça vencedora do Prêmio Pulitzer, escrita por August Wilson em 1982.

Assista ao trailer:

Chicago, 1927. Em uma sessão de gravação, surgem tensões entre Ma Rainey (Viola Davis), seu trompetista ambicioso (Chadwick Boseman) e os empresários brancos determinados a controlar a lendária Mãe do Blues. Baseado na peça do vencedor do prêmio Pulitzer August Wilson.

Glynn Turman, Taylour Paige, Dusan Brown, Colman Domingo Michael Potts também estrelam.



Comentários

Não deixe de assistir: