Mike Flanagan voltou a colaborar com a Netflix com a incrível minissérie Missa da Meia-Noite, cujos sete episódios exploraram a tênue linha entre a vida e a morte e entre a ciência e a fé.

A história, ambientada em uma isolada comunidade insular, gira em torno de um homem que retorna para casa após ter sido culpado pela morte de uma jovem, atraindo olhares controversos para si e para a família. Mas isso não é tudo: sua volta também é acompanhada da presença de um misterioso padre que se apossa da igreja local e promete virar o mundo dos habitantes da ilha de cabeça para baixo.

Trazendo nomes como Kate SiegelHenry Thomas, Hamish LinklaterSamantha Sloyan e muitos outros ao elenco, a produção é uma poderosa e reflexiva narrativa que mistura vários gêneros e um só. E, pensando nisso, o CinePOP preparou uma breve lista com 8 produções de suspense religioso para você conferir depois de Missa da Meia-Noite.

Veja abaixo nossas escolhas:



OS DEMÔNIOS (1971)

Direção: Ken Russell

Aproveite para assistir:

O drama histórico britânico dirigido por Ken Russell permanece, até hoje, como uma das produções mais controversas do cinema. Colocando o nome do realizador no centros holofotes e inclusive conquistando uma honraria no Festival de Veneza, Os Demônios chamou a atenção da Igreja Católica e de um público conservador pelas cenas sexuais e pelo teor “apelativo”. A narrativa é ambientada na França do século XVII, durante o violento regime católico em luta contra os protestantes, e gira em torno de uma madre-superiora que começa a atribuir suas fantasias sexuais com o mais proeminente padre do vilarejo à possessão demoníaca.

O EXORCISTA (1973)



Direção: William Friedkin

É claro que o clássico e aclamado O Exorcista, considerado por muitos como uma das melhores e mais aterrorizantes produções já feitas, não poderia ficar fora da nossa lista. Conquistando dez indicações ao Oscar (incluindo Melhor FilmeMelhor Atriz para Linda Blair), a trama é centrada em uma jovem que começa a mostrar comportamentos muito assustadores e que, auxiliada por um padre e psiquiatra, revela estar possuída por um demônio. Ele solicita então a ajuda de um segundo sacerdote, especialista em exorcismo, para tentar livrar a menina desta terrível possessão .

A PROFECIA (1976)

Direção: Richard Donner

Um diplomata americano preocupado em não chocar a esposa, em virtude da morte do seu filho ao nascer, lhe oculta o fato e adota um recém-nascido de origem desconhecida. Mortes misteriosas começam a cercar a família do homem, que sem saber, pode estar criando o Anticristo em pessoa.

CARRIE – A ESTRANHA (1976)

Direção: Brian De Palma

Em ‘Carrie – A Estranha’, um dos títulos mais essenciais do século passado, a trama é centrada na personagem titular, que desenvolve poderes psíquicos e acaba se vingando não apenas dos valentões de seu colégio, mas de todos que duvidaram de sua beleza e a diminuíram por ser “diferente do normal”. Entretanto, apesar de boa parte do público saber que a temática principal não se relaciona à fé, não podemos nos esquecer de que Margaret, mãe de Carrie, é uma das peças importantes da narrativa e utiliza seu fanatismo religioso para moldar a protagonista como bem quiser – julgando-a como impura e utilizando suas crenças para justificar um comportamento abusivo e tóxico.



STIGMATA (1999)

Direção: Rupert Wainwright

Belo Quinto, uma fictícia cidade no sudeste do Brasil, recebe a visita do padre Andrew Kiernan (Gabriel Byrne), que foi mandado pelo Vaticano para investigar uma igreja que tem a estátua de uma santa que verte lágrimas de sangue. Lágrimas estas que começaram no dia em que o padre Paulo Almeida, o responsável pela igreja, morreu. Enquanto Kiernan fotografava a estátua, que sangrava, um garoto furta um rosário que estava junto do corpo do falecido e vende o terço para uma turista, que por sua vez manda de presente para Frankie Paige (Patricia Arquette), sua filha, que cabeleireira em Nova York. Em pouco tempo, ela passa a ser vítima de “estigmas”, chagas idênticas às de Cristo, e Andrew Kiernan o encarregado de investigar o fenômeno. Inicialmente Kiernan descarta a possibilidade dos “estigmas”, pois todos os “estigmatas” são pessoas bastante religiosas e Paige não acredita em Deus. Mas Kiernan vê o suficiente para quebrar os padrões estabelecidos pelo Vaticano, e acredita que se ele não fizer nada, Frankie pode morrer. Gradativamente, ele pass a suspeitar que seu superior, o cardeal Daniel Houseman (Jonathan Pryce), não quer que toda a verdade venha tona.

O NEVOEIRO (2007)

Direção: Frank Darabont


Assim como ‘Carrie – A Estranha’O Nevoeiro também insurgiu como adaptação dos romances de Stephen King e, sem sombra de dúvida, merece mais reconhecimento do que tem. A trama pode até ter elementos da ficção científica, visto que mostra o confronto dos seres humanos contra criaturas que atravessam o portal de uma dimensão alternativa, mas abre espaço para discussões sobre o fanatismo religioso – cujos temas são encarnados pela incrível performance de Marcia Gay Harden como a tirânica Srta. Carmody, que acredita que o nevoeiro representa a ira de Deus.

O ÚLTIMO SACRAMENTO (2013)

Direção: Ti West

Patrick é um fotógrafo que viaja com seus amigos e colegas de trabalho Sam e Jake até Eden Parish, uma comunidade onde sua irmã mora desde que começou um tratamento contra drogas. Apesar das dúvidas sobre o isolamento do local, ele vai até lá para visitá-la, enquanto seus amigos vão em busca de alguma história interessante para um documentário. Eles se surpreendem, porém, com a satisfação das pessoas na comunidade. A narrativa é baseada nos eventos reais do Massacre de Jonestown, em 1978.

SAINT MAUD (2019)

Direção: Rose Glass

O aclamado longa-metragem Saint Maud reviveu o gênero do thriller religioso e se tornou uma das melhores produções dos últimos anos. Dirigido e escrito por Rose Glass, a história acompanha a vida de uma jovem enfermeira que acabou de receber alta psiquiátrica. Agora encarregada dos cuidados de Amanda (Jennifer Ehle), uma dançarina aposentada devastada pelo câncer, a fé fervorosa de Maud (Morfydd Clark) rapidamente se transforma em uma obsessão de que ela precisa salvar a alma da mulher, antes que ela seja condenada eternamente ao inferno. Entretanto, forças sinistras e seu próprio passado pecaminoso ameaçam pôr fim a sua sagrada vocação.

Comentários

Não deixe de assistir: