O revival de ‘Lizzie McGuire está enfrentando sérios problemas e após suspeitas de que que o projeto poderia ser engavetado – por não se adequar ao modo “familiar” exigido pela Disney, a atriz Hillary Duff decidiu se pronunciar a respeito do assunto.

Por meio de sua conta oficial do Instagram, a intérprete da personagem homônima decidiu fazer um apelo à Disney e aos fãs e de maneira efêmera compartilhou as desavenças que ela e a Casa do Mickey estão enfrentando, por não conseguirem chegar a um acordo quanto ao tom da narrativa.

Em sua publicação, ela foi honesta em admitir que está animada com o projeto, mas sente que seria um desserviço aos fãs lançar ‘Lizzie McGuire‘ sob o filtro PG 13, que limitaria a abordagem e os assuntos tratados nos episódios.

Ao final de sua postagem, ela ainda apela para a compreensão da Disney, pedindo para que a série seja transferida da plataforma Disney+ para a Hulu, assim como aconteceu com o spin-off de ‘Com Amor, Simon‘, que sofreu tal mudança pelo fato de “não ser familiar demais” para o público do serviço.



Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Lizzie McGuire

Uma publicação compartilhada por Hilary Duff (@hilaryduff) em

“Eu estava incrivelmente empolgada para lançar Lizzie na Disney+ e minha paixão permanece! No entanto, eu sinto uma enorme responsabilidade de honrar o relacionamento dos fãs com a Lizzie e que, assim como eu, cresceram se vendo nela. Eu estaria fazendo um desserviço a todos limitando as realidades de uma jornada aos 30 anos de idade, só para viver embaixo de um teto de classificação indicativa PG. É importante para mim que, assim como as experiências dela na fase pré e adolescente navegando pela vida tenham sido autênticas, que seus próximos capítulos sejam igualmente reais e relacionáveis. Seria um sonho se a Disney nos deixasse mover a série para a Hulu, se eles estivessem interessados, e eu poderia trazer essa amada personagem de volta à vida”.

Em virtude de desavenças criativas, o showrunner Terri Minsky acabou deixando o projeto.

A Disney+ custa US$6,99 por mês e ainda vai contar com uma vasta biblioteca fílmica, trazendo as produções da Marvel, Pixar, Disney, Buena Vista e de suas demais divisões. O serviço chega ao público norte-americano em 12 de novembro, com seu lançamento na América Latina agendado apenas para 2020.



Lizzie McGuire‘ contou com duas temporadas, exibidas entre os anos de 2001 e 2004. Em 2003, a produção ganhou seu próprio filme para TV.

Comentários

Não deixe de assistir:

🚨 INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE 🚨http://bit.ly/CinePOP_Inscreva