No último episódio de ‘Loki’, Sylvie (Sophia Di Martino) acabou assassinando Aquele que Permanece (Jonathan Majors) e abriu as portas para a Guerra do Multiverso no MCU.

Como foi mostrada uma gigantesca estátua de Kang, o Conquistador, no interior da Agência de Variância Temporal… Tudo indica que ele será o próximo grande vilão do MCU.

Mas será que ele é uma ameaça no nível de Thanos?

Durante uma entrevista para o The Playlist, o roteirista de ‘Loki’, Michael Waldron, foi questionado com a mesma pergunta, ao que ele respondeu:



“Os fãs terão que esperar para ver. Sinceramente, eu não tenho conhecimento de qual será o papel de Kang nos próximos projetos da Marvel. Mas lembre-se do que Aquele que Permanece disse: ‘Se você acha que sou mau, espere até conhecer minhas variantes’. Jonathan é um artista e tanto, vamos ver o que nos aguarda.”

Recentemente, Majors conversou com o Comic Book e detalhou como o personagem terá uma dinâmica diferente em suas próximas aparições.

Aproveite para assistir:

“Aquele que Permanece é o arquétipo do mago e o que acontece com ele quando fica entediado: ele se torna um trapaceiro, um bobo da corte. Acho que quando o encontramos em ‘Loki’, ele está vivendo no limite de tudo o que já presenciou. Você realmente não sabe onde ele está e eu acho que a ambigüidade disso é uma das coisas perversas sobre seu caráter.”

Ele continuou:



“A partir disso, conforme Kang começa a erguer a cabeça e planejar suas conquistas, ele não tem escolha a não ser estar em oposição ou ser diferente d’Aquele que Permanece. Isso foi o que mais me motivou a aceitar o papel. Kang vive em tantas iterações como Aquele que Permanece… Lembram quando ele diz: ‘Reencarnação, baby’? A nova versão que veremos não será tão brincalhona e compreensiva como o que vimos na série.”

Lembrando que o astro está confirmado como Kang em Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania’.

Para quem não conhece, Kang é um dos personagens mais complexos da Marvel por conta de suas inúmeras identidades ao longo dos anos em que ele enfrentou os heróis da editora.

Descrito como descendente de Reed Richards, Nathaniel Richards nasceu no século 30 e teve acesso a uma máquina do tempo, que lhe permitiu percorrer diferentes eras da humanidade assumindo diferentes identidades na tentativa de se tornar um governante supremo.

Por conta de suas atividades, o Quarteto Fantástico percebeu sua interferência no espaço-tempo e eles se tornaram grandes inimigos a partir daí, o que levou a uma série de eventos catastróficos na história.

Ainda não se sabe como o personagem será revelado na sequência, então sua origem pode ser alterada e outros elementos podem ser adicionados em relação ao seu verdadeiro eu.

Enquanto aguardamos pelas atualizações, vale lembrar que ‘Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania‘ tem estreia marcada para 17 de fevereiro de 2023.



Além de Rudd no papel principal, o elenco também conta com o retorno de Evangeline Lilly como Hope Van Dyne/Vespa, Michelle Pfeiffer como Janet Van Dyne e Michael Douglas como Hank Pym.

As novidades são Kathryn Newton como a nova intérprete de Cassie Lang e Jonathan Majors como o vilão Kang, o Conquistador.

Kang carrega consigo um arco de extrema importância para o panteão da Marvel e poderia representar a próxima grande ameaça nos cinemas depois de Thanos.

A sequência traz o retorno de Peyton Reed como diretor, a partir do roteiro escrito por Jeff Loveness (‘Rick e Morty‘).


Juntos, os dois filmes da franquia renderam mais de US$ 1 bilhão à Marvel Studios.

Comentários

Não deixe de assistir: