A atriz Gal Gadot responsabilizou a diretora Patty Jenkins pela forma como a Mulher-Maravilha foi retratada em cena.

Durante uma entrevista ao site The Hollywood Reporter, ela revelou que a heroína é uma pessoa de fácil identificação com o público geral e não se posiciona de maneira arrogante por ser uma deusa mitológica:

“Eu dou o crédito a Patty por não torná-la uma mulher irritante e intimidadora. A Mulher-Maravilha pode ser muito charmosa, acolhedora e ter muita compaixão e amor pelo mundo. Ela pode ser doce e inocente. Ao mesmo tempo, ela também é uma semideusa que pode dar porrada em você e ser bem durona, esperta e confiante. Basicamente ela é de fácil identificação”.

Crítica | Mulher-Maravilha – A Salvação da DC no Cinema

Novas críticas de ‘Mulher-Maravilha’ são EXTREMAMENTE positivas; Confira!



Assista a nossa crítica:

Aproveite para assistir:

Após polêmica, axilas da ‘Mulher-Maravilha’ são “corrigidas” em novo trailer 

Warner gastou mais em publicidade com ‘Mulher-Maravilha’ do que com ‘Esquadrão Suicida’ 



A estreia do novo filme da personagem acontece em 1º de junho de 2017.

 

Comentários

Não deixe de assistir: