O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos

COMPARTILHE!
O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos
Avaliação: 4.7 - 3 votos

(The Hobbit: The Battle of the Five Armies)

 

Elenco: Martin Freeman, Ian McKellen, Bill Nighy, James Nesbitt, Adam Brown, Richard Armitage, Aidan Turner, Rob Kazinsky, Graham McTavish, Elijah Wood, Andy Serkis , Christopher Lee, Ian Holm, Orlando Bloom, John Callen, Stephen Hunter, Peter Hambleton, Cate Blanchett, Hugo Weaving, Andy Serkis, Doug Jones, Saoirse Ronan, Billy Connolly.

Direção: Peter Jackson

Participe do nosso GRUPO ESPECIAL do Facebook » https://goo.gl/kg8NYU

     

Gênero: Aventura

Duração: 144 min.

Distribuidora: Warner Bros.

Orçamento: US$ 250 Milhões

Estreia

11 de Dezembro de 2014

 

Sinopse:

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos‘ é a épica conclusão das aventuras de Bilbo Bolseiro, Thorin Escudo-de-Carvalho e a Companhia de Anões. Tendo recuperado sua terra natal do dragão Smaug, a Companhia involuntariamente despertou uma força mortal para o mundo. Enfurecido, Smaug espalha sua ira sobre homens, mulheres e crianças indefesas da Cidade do Lago. Obcecado pelo tesouro recuperado, Thorin sacrifica amizade e honra para guardá-lo enquanto Bilbo tenta de todas as formas fazê-lo ver a razão, o que leva o Hobbit a uma decisão desesperada e perigosa. Mas há ameaças ainda maiores pela frente. Invisível para todos exceto para o Mago Gandalf, o grande inimigo Sauron enviou legiões de orcs para um ataque surpresa à Montanha Solitária.

Enquanto a escuridão cresce, os anões, elfos e homens devem tomar uma decisão: ou se unem ou serão destruídos. Bilbo se encontra lutando por sua vida e pela de seus amigos na épica Batalha dos Cinco Exércitos, com o futuro da Terra-Média em jogo.

 

Curiosidades:

» Inicialmente intitulado ‘O Hobbit: Lá e de Volta Outra Vez‘ (The Hobbit: There and Back Again), o filme agora será lançado como ‘O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos‘ (The Hobbit: The Battle of the Five Armies). Segundo Jackson, o título anterior fazia sentido quando a história era dividida em apenas dois filmes. Quando decidiu dividi-la em três partes, Bilbo já havia chegado lá e o título não fazia mais sentido.

» Jackson, o cineasta premiado com o Oscar® por trás da trilogia sucesso de bilheteria “O Senhor dos Anéis“, encerrou as filmagens do que ele originalmente planejou ser uma adaptação em dois filmes de O Hobbit, ambientada na Terra-média 60 anos antes de O Senhor dos Anéis. “Ao ver recentemente o corte do primeiro filme e um pedaço do segundo, Fran WalshPhilippa Boyens e eu ficamos muito satisfeitos com a maneira na qual a história foi se formando. Reconhecemos que a riqueza da história de O Hobbit, bem como parte do material relacionado nos apêndices de O Senhor dos Anéis, deram origem a uma pergunta simples: podemos contar algo mais a respeito da história? E a resposta, do nosso ponto de vista como cineastas e fãs, foi um incondicional ‘sim’. Sabemos da força do nosso elenco e dos personagens que eles trouxeram à vida. Sabemos criativamente como a história pode ser convincente e envolvente e – por fim, e mais importante – sabemos o quanto o conto de Bilbo Bolseiro, os Anões de Erebor, o surgimento do Necromancer e a Batalha de Dol Guldur não seriam completamente contados se não realizássemos plenamente esta complexa e maravilhosa aventura. Fico encantado ao saber que a New Line, a MGM e a Warner Bros. estejam igualmente entusiasmados para trazer aos fãs esta extensão do conto ao longo de três filmes.”

» O primeiro filme da trilogia, ‘O Hobbit: Uma Jornada Inesperada‘, foi lançado em 14 de dezembro de 2012. O segundo filme ‘O Hobbit: A Desolação de Smaug‘, foi lançando em 13 de dezembro de 2013. Todos os três filmes foram lançados em 3D, em alguns cinemas 2D e em IMAX.

» Sob a direção de Jackson, todos os três filmes foramfilmados em 3D digital com a última tecnologia em câmera e som. As filmagens adicionais, do mesmo modo que a fotografia principal, foram realizadas no Stone Street Studios em Wellington e em sets de filmagem por toda a Nova Zelândia.

» Assim como James Cameron quis inovar o 3D com ‘Avatar‘, o diretor Peter Jackson fez o mesmo com ‘O Hobbit‘, em termos de definição de imagem. Ele rodou a produção com câmeras de 48 frames (48 quadros por segundo). Atualmente, as câmeras tem a tecnologia de 24 frames (24 quadros por segundo). Supostamente, mais quadros significam um 3D melhor. Mas o resultado não agradou. A Warner Bros. exibiu cenas do filme durante a Cinemacon, convenção para exibidores. A exibição causou estranhamento entre os críticos presentes. Segundo o Los Angeles Times, as cenas parecem feitas para “televisão HD”, tirando a magia das exibições em telas de cinema. O Hollywood Elsewhere revelou que o efeito 3D realmente fica melhor, mas as cenas não possuem borrões de movimento e não parecia algo cinematográfico.

» O ator Orlando Bloom (‘Piratas do Caribe’) ganhou US $ 1 milhão para participar de ‘O Hobbit‘. Sua participação é vista nas telonas por poucos minutos.

» Andy Serkis empresta seus movimentos a Sméagol, Christopher Lee retorna como Saruman e Ian Holm vive Bilbo mais velho. Martin Freeman (‘Simplesmente Amor’) vive o personagem-título. Elijah Wood retorna como Frodo. Ian McKellen (o mago Gandalf) e Cate Blanchett (Galadriel) também retornam.

» A Warner Bros. Pictures ficou responsável pela distribuição dos filmes em todo o mundo, enquanto a MGM cuidará do licenciamento para a televisão.

» Viggo Mortensen não está no elenco. O ator chegou a negociar seu retorno como Aragorn, mas um acordo não foi fechado.

» O orçamento ficou na casa dos US$ 250 milhões para cada filme.

Críticas:

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos, por  (Nota: 8,0)

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos (Nota: 7,0)

 

Crítica em vídeo:

 

Trailer:

 

Cartazes:

 

 

 

Fotos: 

 

 


Crítica Liga da Justiça


» Siga o CinePOP no Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO] Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.