Segundo o site The Hollywood Reporter, o ex-presidente dos estúdios Warner Bros.Kevin Tsujihara, foi intimado a testemunhar sob juramento se estava envolvido com o pedido de colocar Amber Heard na “lista negra” de Hollywood a pedido de Johnny Depp, que alegadamente tentou removê-la do filme Aquaman.

A reportagem também indica que o ator pessoalmente chantageou Tsujihara para tirar Heard de seu papel como Mera no longa-metragem dirigido por James Wan e impedi-la de participar de projetos futuros com a Warner. Depp, que dá vida a Grindelwald na franquia Animais Fantásticos, também tentou embargá-la com outras companhias.

Apesar das tentativas, Heard retornou para seu papel para o filme-solo protagonizado por Jason Momoa após ter aparecido em Liga da Justiça, em 2017. Além disso, a atriz está cotada para reprisar mais uma vez Mera na continuação de Aquaman, que tem estreia prevista para 2022.

15 Séries da Netflix Para Maratonar

15 Séries da Globoplay Para Você Maratonar

15 Séries da Amazon Prime Para Maratonar neste mês

10 reality shows insanos pra você que amou The Circle e Casamento às Cegas

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE