A batalha legal entre Johnny DeppAmber Heard ainda está longe de acabar e, há alguns anos, vem movimentando a internet de forma assustadora.

Depois de Depp acusar a ex-mulher de tê-lo difamado, processando a atriz por 50 milhões de dólares, agora foi a vez de Heard preencher um boletim para impedir que a alegação supracitada seja considerada pela corte.

De acordo com o site Deadline, Heard, que deu vida a Mera no sucesso Aquaman, declarou que Depp está se recusando a divulgar documentos que provem seu “abuso de álcool e de drogas” e aqueles que envolvem “violência doméstica e abuso”. A atriz está buscando os seguintes papéis:


“Todos os DOCUMENTOS e CONVERSAS entre VOCÊ e qualquer outra pessoa empregada por VOCÊ ou trabalhando em seu nome que dialogam com o uso de narcóticos por VOCÊ ou pela SRTA. HEARD de 2013 até o presente dia”, “Todos os DOCUMENTOS e CONVERSAS pertencentes a tratamentos devido a abuso de álcool e drogas por VOCÊ ou pela SRTA. HEARD de 2013 até o presente dia”.

O casamento entre Heard e Depp terminou em 2017, resultante de uma ordem de restrição pedida pela atriz para o ex-marido em 2016. Ambos os lados se dizem inocentes e endossam que a outra parte foi responsável pelo abuso.

Neste momento, é difícil dizer quem irá vencer o caso.

Aproveite para assistir:

Comentários

Não deixe de assistir:

SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DO YOUTUBE